32 Abdaron: Cinco de Espadas


             Elementos constitutivos ou relacionados

Nome divino:היוה HYVH
Arcanjo:כאמבריאל Kambriel
Anjo:צכמקיאל Tzakmiqiel
Anjo regente da casa:אנםואל Ansuel
Anjo do decanato:אבדרון Abdaron
Gênios dos quinquídios:63. 8->8 Anauel e 64. 8->9 Mehiel
Nome hebraico – Signo:Aquário (Tzaddi), Ar/Água do Ar הו
Força ativa do signo:Hod
Força ativa do Decanato:Geburah
Elementos concorrentes:Água da Água do Ar
Relação/mundos:He de He de Vô ou sentimento do sentimento de pensamento ou Briah de Briah de Yetzirah
Tribo:Rúben
Apóstolo:André
Planeta regente do signo:Saturno
Planeta do decanato:Saturno
Posição zodiacal:2º decanato de Aquário
Velas: 1 vermelha e duas brancas
Incenso:[Erva de Santa Maria, enxofre, raiz de guiné, gengibre, etc.] e [sândalo, acácia, cipreste, absinto, balsamo e também a pimenta, a cebola, etc.]
Letras:Zain – Zain -Resh
Gemátria:7+7+200 = 214 = 2+1+4 = 5
Invocação por domicílio:de 10 a 20° de Aquário ou 30 de janeiro a 8 de fevereiro
Invocação pelo ciclo diário:   20:40 às 21:20 a partir da saída do Sol.
Invocação por conjunção: Quando Saturno se encontra no 2º decanato de Aquário.
Forças em ação:As forças de Saturno se expressam pelo signo de Aquário ou ainda Água da Água do Ar; as forças de Hod se expressam pelas vias do do Água da Água pelas configurações de Binah-Sagitário.
Sendeiro:Pelo signo: 3, de Binah a Binah; gênio 3->3: CALIEL. Pela árvore: Subsendeiro de Binah a Hod; gênio 3->8: MELAHEL.   

             Segundo decanato de Aquário

O segundo Decanato de Aquário refere-se aos graus que vão de 10 a 20 do signo, ou seja, os nascidos entre 30 de janeiro a 8 de fevereiro (aproximadamente). No plano planetário é regido por Saturno por encontrar-se em analogia com o segundo signo do Ar; o segundo decanato de Aquário é o He do He dos signos do Ar e, no Taro, é o domicílio do cinco de Espadas. Na ordem sephirótica Hod exerce privilégio sobre ele, por ser o segundo signo do elemento Ar, e em segundo lugar, o Decanato, é regido por Geburah (quinta Séfira da Árvore Cabalística, que corresponde a Marte) por ser o quinto Decanato do elemento.

O Gênio do Decanato é אבדרון Abdaron que poderá ser invocado ou evocado para sanar tudo que seja de seu atributo neste interstício ou mesmo de interesse do nativo em sua senda evolutiva, quanto mais em seu período de manifestação. Trata-se de Decanato He do signo de Aquário que é um signo He-Vô, Água do Ar הו, de modo que dará lugar a trabalhos próprios deste signo. Corresponde ainda ao mundo Cabalístico das formações.

Neste Decanato se realizam os trabalhos correspondentes ao signo, que consistem na interiorização, em submeter a prova as ideias gerais, os pensamentos, que se têm dado origem desde Libra.

Já vimos que Aquário é o templo da inteligência, o templo interno da verdade, que representa o estágio de interiorização das ideias, o Templo de Salomão, cujas medidas foram dadas por Jehovah יהוה – “Yod-He-Vô-He” ao rei Davi e que nunca chegou a terminar a obra porque a perfeição não tem limites. Saturno como regente do signo e deste Decanato em particular, lhes confere a profundidade de juízo e também proporciona uma certa solidão para que estes nativos possam realizar sua obra.

Estes Aquarianos têm acesso aos arsenais do pensamento cósmico, aos registros akashicos da natureza desde seu interior ao cosmico, a região dos arquétipos, fazem com que as ideias abstratas se convertam em verdades materiais, em ideias concretas, em conceitos que possam ser usados pela elite pensante da humanidade. Eles são aqueles que colocam ao alcance dos homens as mais variadas invenções que facilitam nossa existência pois antecipam o conhecimento, tanto no domínio filosófico como no prático.

Por diversas vezes suas descobertas são usurpadas por aqueles cujo objetivo é somente ganhar dinheiro ou usurpar o mérito, isto porque trabalham no silêncio de seus laboratórios sem divulgações, prémios ou aplausos. Contudo a Lei de causa e efeito é fatal e como no cosmos existem registros muito precisos, os sábios espoliados surgirão, em outra existência, tendo ao seu serviço aqueles que agora lhes usurpam, eis o princípio do karma e da Justiça prevalecendo.

Quando um ser humano morre, comumente é lembrado até a terceira geração, pelos netos, talvez bisnetos depois caem no esquecimento definitivo. No que concerne a classe zodiacal de Aquário, sua obra (seu filho, cabedal de conhecimento e sabedoria) haverá de permanecer pelos séculos dos séculos e a humanidade sempre lhe será grata.

A elaboração interna da verdade só é compartilhada por aqueles que a elaboraram internamente, realizaram o trabalho interno, trabalhando na obra por tempo equivalente, por aqueles que estão no mesmo nível do Ser, daí que a construção aquariana seja pouco gratificante porque a compreensão do conhecimento exige que os demais estejam em níveis próximos ou equivalente. E o caso da pessoa que reconhece a inteligência do outro por estar em uma mesma ou próxima graduação cognitiva e, assim, tem subsídios para poder avalia-lo. Os que não estão no mesmo patamar exigem provas daquilo que não se pode ver, tocar, ouvir, degustar, cheirar, pois, estão presos unicamente a nível material, daí que as ciências matemáticas, metafísica, física quântica e outras afins sejam do domínio deste signo. Neste contexto o Aquariano se cala porque no momento não é possível compartilhar a verdade encontrada que será incorporada a humanidade paulatinamente. Contudo sentem-se amados por uma categoria social, que compartilham, por osmose, seus conhecimentos, mesmo não os compreendendo plenamente. Estes nativos vivem mais no futuro do que no presente, são extremamente avançados para sua época o que pode gerar um certo incômodo. Em uma próxima existência, no signo de Gêmeos, haverão de sair de sua reclusão e colher os aplausos da sociedade.

A fim de estabelecer uma perfeita harmonia, os trabalhos deste segundo Decanato consistem em projetar a razão para as instâncias interiores do indivíduo equilibrando-o, eis que a ciência nasce da observação do funcionamento interno dos entes de modo que a observação das funções naturais nos permite elaborar mecanismos exteriores equivalentes aos órgãos internos a exemplo da máquina fotográfica, a fotocélula. É neste decanato que que se recrutam os grandes inventores eis que a Astrologia atribui a Aquário as descobertas, as invenções, as inovações técnicas. Então vemos aqui na prática o axioma hermético: “o que há acima é como o de baixo e vice versa”, já que ao descobrir as leis que movem o mecanismo interior dos corpos se desbrava simultaneamente o movimento do cosmos e, daí, se tem lugar a todas as invenções resultantes do progresso humano.

Aquário é o signo da amizade, das uniões resultantes do fluxo da lei de afinidades. Assim, conforme o fluxo interno se atrai as amizades exteriores.  

Isto porque há uma Lei que ordena no interior do indivíduo todas as funções de uma maneira natural, de modo que venha a encontrar, por sintonia, os que estão submetidos ao mesmo fluxo e, assim, ambos estabelecem laços de amizade em razão de uma mesma ressonância interna, refere-se a Lei de Afinidade Vibratória. Faz-se oportuno mencionar aqui uma afinidade com o 13º Gênio 2->6 IEZALEL da Schemhammephorasch que trata da amizade que ocorre quando duas pessoas percebem a mesma verdade relacionada ao intelecto, aos princípios, na contemplação do universo e suas Leis. IEZALEL, especialista na organização destes encontros, tem a função de unir, já nos planos superiores, as pessoas que compartilham da mesma visão do universo, cumprindo assim o desígnio de Hochmah de unir tudo o que pode ser unido.

Toda esta energia facilita aos Aquarianos encontrar pessoas dispostas a colocar em prática os resultados do seu trabalho interno, potenciar as suas invenções e descobertas, colocando à disposição da sociedade os meios e levá-los à prática.

Em sua vida conjugal haverá de encontrar o companheiro ou companheira que compartilhará sua visão das coisas que será ao mesmo tempo amigo e aliado em sua vida social. Da união de ambos se multiplicará seus poderes.

As invenções aqui, neste processo de interiorização, possuem a união de duas energias muito fortes, Geburah atuando no segundo Decanato e Binah regente de Aquário, de onde se originam todas as coisas pela união do Três, daí que alguns povos antigos tenham afirmado que os inventos eram coisas diabólicas.

Os bons aspectos planetários sobre este Decanato darão boas amizades ativas, um cônjuge fiel e a vivencia em um ambiente fraterno, em uma sociedade restrita de indivíduos que chegaram ao cume humano, dará lugar ao inventor, ao inovador, ao descobridor, ao artífice do progresso técnico e científico.

Os maus aspectos perturbarão a mecânica descrita, produzirá descobertas nefastas e amizades movidas exclusivamente pelos benefícios que estas descobertas possam proporcionar, reportar.

             Carta do Tarô: Cinco de espadas

 Recebe o título de Senhor da derrota. Refere-se ao elemento Ar e astrologicamente corresponde a posição de Marte transitando pelo segundo decanato de Aquário onde Geburah manifesta seus fluxos mediante as roupagens deste signo regido por Binah-Saturno que o influencia e sob as pulsações do regente deste decanato que é Marte.

Neste ponto as restrições de Binah o construtor do universo, centro instituidor de todas as coisas de onde emanam a Lei e a ordem, expressa-se por intermédio de Geburah que trata dos reajustes, da Justiça, da correção dos erros. No mais, o resultado desta alquimia se exteriorizará ainda pelo tom prismático de Binah, o coordenador deste subciclo evolutivo.

O Cinco de Espadas é o Vô (יהוה “Yod-He-Vô-He”) do quaternário dos cincos, deste modo, possui uma relação com Binah a inteligência ativa e refere-se à influência de Geburah no plano mental (Geburah em Vô).

Aqui as forças de Geburah são consideradas derrotadas em razão da entrada das forças de Tiphereth já que, esta, por estar a um passo a adiante nas realizações materiais, e tem características equilibrante, eis que aqui Binah se expressa por Tiphereth em razão deste ser o “Vô” do segundo ciclo, então o que se vê derrotado aqui seria o rigor no caminho de sua materialização, como se fosse o cinco na sexta posição. Este equilíbrio destrói, assim, a parte danosa, o mal. O Ar-pensamento de Binah neutraliza as forças dos sentimentos constantes do Mundo de Briah e do “He” que representa Geburah e promove a liberação das emoções que atavam o indivíduo ao passado.

Esta posição marca quando da travessia do mar vermelho, depois do deslocamento, onde de um lado estão os vitoriosos eleitos e de outro os derrotados – as vítimas. O umbral da terra prometida e o vasto porvir. Assim, neste ponto, teremos que escolher entre estar com o passado, cultuando seus cadáveres ou nos identificarmos com os ganhadores e seguirmos adiante em novos propósitos rumo a terra prometida. Significa a perda daquilo que se ama, dos apegos para entrar em um novo mundo.

Refere-se a liberação das emoções que atavam o indivíduo ao passado e a liberação das culpas resultantes destas emoções. A pessoa se encontra livre e sem compromissos após pagar seus sacrifícios (que deverá passar conforme narrado, em uma realidade que vai a pique), trata-se de uma carta de rigor. Na posição da carta invertida o que deveria ser uma tomada de consciência pelos dramas externos converte-se em um prenuncio de desgraça familiar.

Palavras chaves: 5♠ S Derrota (do rigor) – mar vermelho – mundo vai a pique, tomada de consciência.

(Reta) Perda, destruição, avareza, decadência, ruína, latrocino, recomeço do zero, algo que vai a pique;

(Invertida) Duelo, funeral, penas da alma, abatimento, exumação, sepultura.

Entre as suas palavras-chaves da carta invertida surge o termo sepultura, assim como ocorre no quatro de espadas, mas enquanto este refere-se mais a sociedade, mais afastado do indivíduo, no cinco de espadas o termo funeral (carta invertida) é de caráter mais pessoal, familiar. 

Clique na imagem ao lado para ser direcionado a pagina principal e baixar gratuitamente o livro.

A CABALA DE HAKASH BA HAKASH

Filosofia Metafísica Quântica Cabalística – TOMO II

A ODISSEIA ZODIACAL

Autor: Inácio Vacchiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s