3 Satander: Três de Paus


                   Elementos constitutivos ou relacionados

Nome divino:יהוה YHVH
Arcanjo:מלכידאל Malkidiel
Anjo:שרהיאל Sharhiel
Anjo regente da casa:איאל Ayel
Anjo do decanato:םטנדר Satander
Gênios dos quinquídios:5. 1->5 Mahasiah e 6. 1->6 Lelahel
Nome hebraico – Signo:Âries (Hé), Fogo/Fogo do Fogo יי
Força ativa do signo:Binah
Força ativa do Decanato:Binah
Elementos concorrentes:Ar do Fogo do Fogo
Relação/mundos:Vô do Yod do Yod ou pensamento da Vontade da Vontade ou Yetzirah de Atziluth de Atziluth
Tribo:Gad
Apóstolo:Santiago – Tiago
Planeta regente do signo:Marte
Planeta do decanato:Júpiter
Posição zodiacal:3º decanato de Áries
Velas: 1 branca e 2 azuis
Incenso:[sândalo, acácia, cipreste, absinto, balsamo e também a pimenta, a cebola, etc.] para Áries e [Noz-moscada, cravo, café, etc.] e [Erva de Santa Maria, enxofre, raiz de guiné, gengibre, etc.]
Letras:Sameck – Tav -Noun – Daleth -Resh
Gemátria:60+400+50+4+200 = 714 = 7+1+4 = 12 = 1+2 = 3
Invocação por domicílio:de 20 a 30° de Áries ou 10 a 20 de abril
Invocação pelo ciclo diário:  das 1:20 a 2:00 h. a partir da saída do Sol.
Invocação por conjunção: Quando Júpiter se encontra no 3º decanato de Áries.
Forças em ação:As forças de Júpiter se expressam pelo signo de Áries e ainda Ar do Fogo do Fogo; as forças de Kether se expressam pelas vias do Ar do Fogo pelas configurações de Binah-Sagitário.
Sendeiro:Pelo signo: 19, de Hesed a Geburah; gênio 4->5: SEHEIAH. Pela árvore: Hesed a Kether.

             Terceiro decanato de Áries

O terceiro Decanato de Áries refere-se aos graus que vão de 20 a 30 do signo, ou seja, os nascidos entre 10 e 19 de abril (aproximadamente). No plano planetário é regido por Júpiter por encontrar-se em analogia com Sagitário, o terceiro signo do Fogo; o terceiro decanato de Áries é o Vô do Yod dos signos de Fogo e, no Taro, é o domicílio do três de Paus. Na ordem sephirótica Kether exerce privilégio sobre ele, por ser o número três dos signos de Fogo, e em segundo lugar, o Decanato, é regido por Binah (terceira Séfira da Árvore Cabalística, que corresponde a Saturno) por ser o terceiro Decanato do elemento.

O Gênio do Decanato é םטנדר Satander que poderá ser invocado ou evocado para sanar tudo que seja de seu atributo neste interstício ou mesmo de interesse do nativo em sua senda evolutiva, quanto mais em seu período de manifestação. Trata-se de Decanato Vô do signo de Áries que é um signo Yod – Yod, Fogo do Fogo יי, de modo que dará lugar a trabalhos próprios deste signo. Corresponde ainda ao mundo Cabalístico das emanações.

Assim como o segundo Decanato expressa uma antecipação do Signo He do Fogo, este terceiro Decanato representa uma antecipação do Decanato Vô dos signos do Fogo, ou seja, do período exteriorizador sob a regência de Sagitário. Trata-se de um fruto que se apresenta como maduro, mas não estão, são ácidos. Então teremos um Decanato de frutos antecipados onde haverá exteriorizações prematuras, que não tenham cumprido o tempo necessário e, assim, não possuem as propriedades que deveriam ter. Os nativos deste terceiro decano são pessoas que foram relutantes com os desígnios de sua Divindade interior pela primeira vez; o eles foram uma segunda vez, e agora, pela terceira vez, eles devem se encontrar com o programa do seu Real Ser.

De igual modo os nativos deste Decanato expressam este aspecto onde sua aparência não corresponde à realidade, pureza aparente, juventude, debilidade que não correspondem a fase em que se encontram, um engano seja no positivo como no negativo, nos defeitos e nas virtudes que não se nivelam a sua real natureza. Um artista poderia ser confundido com um Picasso, mas não passar de um pintor de rua de pouca monta.

Enquanto no segundo Decanato estavam persentes as forças de Hochmah nominadas como Amor-Sabedoria, no terceiro Decanato estão ativas as forças divinas denominadas como Lei que é administrada por Jehovah (יהוה – “Yod-He-Vô-He”) o Deus Bíblico do rigor. Isto significa que os nativos deste Decanato se veem impregnados com a ideia da existência de uma Lei cósmica que deve ser cumprida uma visão interna da Ordem Cósmica onde tudo está e deve estar em seu lugar em um processo sem fim de auto equilíbrio onde todos formamos parte deste tudo e assim, cada qual, cada ente, deve ocupar o lugar que lhe corresponde em seu processo evolutivo sem buscar no passado prazeres e relações que fazem parte de seu histórico humano, experiências que não devem ser repetidas. Este trabalho de compreensão da Lei integra a dinâmica de Sagitário, o terceiro signo do Fogo, mas é oferecido aqui aos seus nativos as correspondentes energias para seguirem seu caminho evolucionário em razão destes serem um fruto antecipados de seu tempo.

Se o primeiro Decanato corresponde aos fundadores de seu tempo, o terceiro Decanato refere-se aos fundadores das empresas do futuro. Assim, lançam-se em experiências que só presenciariam mais tarde em outros ciclos de existência e, deste modo, tornam-se iniciadores do futuro, criadores do porvir conduzindo suas empresas com grande fé e confiança mesmo sabendo que não saborearão seus frutos na presente existência, mas deixarão estes frutos para que outras pessoas se beneficiem. O terceiro Decanato de cada signo é o exteriorizador das virtudes que este signo encerra, ou seja, derramar sobre a sociedade os valores internos aos quais o indivíduo é o portador. Assim, o terceiro Decanato de Áries refere-se a um homem de obras, onde algumas delas são realizadas antecipadamente por serem próprias do terceiro signo do Fogo: Sagitário. Áries é um lançador de utopias, que prepara o futuro como um profeta que anuncia o que vai ocorrer, é um precursor de novas ideias em movimento, ideias esta que irão ser instaladas no mundo em um futuro relativamente distante.

A diferença existente entre o primeiro Decanato e o terceiro, é que no primeiro, o indivíduo será aquele que que realmente coloca a primeira pedra de um edifício, cuja elaboração seguirá os processos normais, enquanto o terceiro coloca a primeira pedra de uma edificação futura, imprópria de sua época. Sendo especialistas no adiantamento, é natural que encontremos esses nativos no domínio da arte, da prospectiva, da ficção científica, da investigação, já que esses são os terrenos onde poderão desenvolver suas virtudes.

Como na ordem sephirótica Sagitário corresponde a Binah, que também influencia esta fase Vô, os planetas situados neste Decanato tenderão a promover a edificação deste futuro e permitirão a este Ariano descreve-lo com assombrosa precisão de modo que todos aqueles que tenham ativados os signos de Terra em seus temas natais demonstrem entusiasmos e abram suas carteiras nas empresas deste Ariano do terceiro Decanato e assim venham a construir um ponto de referência para as futuras gerações.

Como não é característica do Ariano se prender estarão muito tempo no mesmo assunto. Mudarão de empresa, de ofício, de cidade. Deste modo, se com bons aspectos suas empresas dificilmente sobreviverão, em razão desta tendência de abandono, com maus aspectos os desconectarão rapidamente da realidade e não encontrarão ninguém que queira levar adiante as suas quimeras apesar destes Arianos verem o futuro com enorme clareza, pois seus interlocutores verão como loucura.

Apesar do signo de Áries ser um lugar pouco confortável para viver, por ser um lugar de começo, o Ariano aparenta estar em um mundo indefeso como uma criança, no entanto da mesma forma como a criança é acolhida por seus pais, também, no ordenamento cósmico, por ser o primeiro signo do zodíaco, de onde parte a sequência das casas, o Ariano é assistido pelo um signo de Touro na Casa II, a do dinheiro, que lhe fornece os fundos necessários para subsistir, e pela Casa X, a profissional, em Capricórnio, o signo das grandes empresas, que lhe assegura trabalho em sua especialidade, que é a de promover empresas, colocando a primeira pedra, arrancando o entusiasmo daqueles que o financia. Então, quando a empresa se desenvolveu, o Ariano deve procurar outro assunto para promover, porque se ficar nela, tornar-se-á um elemento estagnado já que sua natureza é de movimento.

Os Arianos se entendem muito bem com os nativos dos demais signos do Fogo: Leão e Sagitário. Eles se dão bem com os Gêmeos e Aquário, e encontram em Libra seu complemento perfeito (a nível evolutivo, entende-se, precisamente, a nível de opostos) com vista a uma união matrimonial. Em vez disso, eles dificilmente se entenderão com Câncer e Capricórnio. Sua principal virtude é a de despertar a fé e o entusiasmo nos outros. Seu principal defeito é o seu excesso de individualismo, que quando se manifesta, impede a sua perfeita integração na sociedade.

             Carta do Tarô: Três de paus

 Recebe o título de Senhor da força estabelecida ou estabilizada. Refere-se ao elemento Fogo e astrologicamente corresponde a posição de Saturno transitando pelo terceiro decanato de Áries onde Binah manifesta seus fluxos mediante as roupagens deste signo regido por Geburah-Marte que o influencia e sob as pulsações do regente deste decanato que é o Saturno.

Neste ponto, Kether o primeiro ponto de partida na Arvore e no zodíaco, o centro produtor de iniciativas, a essência divina, expressa-se por intermédio de Binah o construtor do universo, centro instituidor de todas as coisas de onde emanam a Lei e a ordem. No mais, o resultado desta alquimia se exteriorizará ainda pelo tom prismático de Hesed, o coordenador deste subciclo evolutivo.

O Três de Paus é o Yod (יהוה “Yod-He-Vô-He”) do quaternário dos três, deste modo, possui uma relação com Kether o iniciador supremo, o primeiro, que está acima de todas as coisas e refere-se à influência de Binah no plano espiritual (Binah em Yod).

O três de paus representa o “Vô” de “Yod” já que o “Vô” é a terceira manifestação do nome impronunciável “YHVH” (יהוה – “Yod-He-Vô-He”) mais conhecido como Jehovah. O naipe de paus que governa a carta está relacionado com a “Yod” a primeira letra do nome. Isto indica que Binah estabelece ou estabiliza, consolida a vontade emanada de Kether concretizando o designo primordial. Algo que até então seria intenção, potência e que passa a ser uma realidade, ato manifesto. Essa força de Yod, quando na esfera de Binah, cessa de ser dinâmica, consolidando-se em um Forma.

Palavras chaves: 3♣ S. DA FORÇA ESTABELECIDA, estabilidade, executiva, projeto concreto

(Reta) Nova empresa, apropriar-se, ousadia;

(Invertida) Interrupção de desgraças, temeridade, final, repouso após agitação.

O três de paus representa o fim de atuação do dois. Período em que as energias espirituais se interiorizavam e produziam em um estado de aflição e excitação como resultado das energias criadoras no processo de interiorização.

Quando as energias do três de paus se dá com total plenitude, as energias se invertem e tem-se início a criação exterior (do interior do dois para o exterior do três). Trata-se da criação de algo novo, audacioso, já que temos aqui presente as forças de Kether (Paus) onde a expressão exterior pode chegar até a usurpação eis que a nova empresa poderá buscar seu lugar em um espaço já ocupado gerando lutas.

Se a força é fraca (sentido invertido), a energia se limitará a pôr fim à regência negativa do dois e, produzirá, talvez, o surgimento do intermediário que nos conduzirá ao novo período, que se anuncia timidamente. Por outro lado, sendo o três de paus o símbolo do poder executivo, a sua posição invertida pode significar ainda a diminuição desse Poder, cessação de uma função, de uma missão apenas iniciada e não levada a termo.

Clique na imagem ao lado para ser direcionado a pagina principal e baixar gratuitamente o livro.

A CABALA DE HAKASH BA HAKASH

Filosofia Metafísica Quântica Cabalística – TOMO II

A ODISSEIA ZODIACAL

Autor: Inácio Vacchiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s