20 Saharnatz: Dois de espadas


                   Elementos constitutivos ou relacionados

Nome divino:והיה VHYH
Arcanjo:זוריאל Zuriel
Anjo:חדקיאל Chedeqiel
Anjo regente da casa:יהאל Yahel
Anjo do decanato:םהרנץ Saharnatz
Gênios dos quinquídios:39. 5->8 Rehael e 40. 5->9 Ieiazel
Nome hebraico – Signo:Libra (Lamed), Ar/Fogo do Ar יו
Força ativa do signo:Netzah
Força ativa do Decanato:Hochmah
Elementos concorrentes:Água do Fogo do Ar
Relação/mundos:He de Yod de Vô ou sentimento da Vontade de pensamento ou Briah de Atziluth de Yetzirah
Tribo:Asher
Apóstolo:Bartolomeu
Planeta regente do signo:Vênus
Planeta do decanato:Saturno
Posição zodiacal:2º decanato de Libra
Velas: 1 amarela e duas brancas
Incenso:[Erva de Santa Maria, enxofre, raiz de guiné, gengibre, etc.] e [violeta, rosas, almíscar, lavanda, dama da noite e também o açafrão, etc.] e [mirra, almíscar, estoraque, âmbar, e também aloe vera, cravo, louro, olíbano, etc.]
Letras:Zain – Zain -Resh
Gemátria:7+7+200 = 214 = 2+1+4 = 5
Invocação por domicílio:de 10 a 20° de Libra ou 3 a 13 de outubro
Invocação pelo ciclo diário:   12:40 às 13:20 h. a partir da saída do Sol.
Invocação por conjunção: Quando Saturno se encontra no 2º decanato de Libra.
Forças em ação:As forças de Saturno se expressam pelo signo de Libra ou ainda Água do Fogo do Ar; as forças de Netzah se expressam pelas vias do da Água do Fogo pelas configurações de Hochmah-Leão.
Sendeiro:Pelo signo: Subsendeiro de Binah a Netzah; gênio 3->7: YEIAIEL. Pela árvore: Subsendeiro de Binah a Netzah; gênio 3->7: YEIAIEL.

             Segundo decanato de Libra

O segundo Decanato de Libra refere-se aos graus que vão de 10 a 20 do signo, ou seja, os nascidos entre 30 de setembro a 9 de outubro (aproximadamente). No plano planetário é regido por Saturno por encontrar-se em analogia com o segundo signo do Ar; o segundo decanato de Libra é o He do Yod dos signos do Ar, no Taro, é o domicílio do dois de Espadas. Na ordem sephirótica Netzah exerce privilégio sobre ele, por ser o primeiro signo do elemento Ar, e em segundo lugar, o Decanato, é regido por Hochmah (segunda Séfira da Árvore Cabalística, que corresponde a Urano) por ser o segundo Decanato do elemento.

O Gênio do Decanato é םהרנץ Saharnatz que poderá ser invocado ou evocado para sanar tudo que seja de seu atributo neste interstício ou mesmo de interesse do nativo em sua senda evolutiva, quanto mais em seu período de manifestação. Trata-se de Decanato He do signo de Libra que é um signo Yod-Vô, Fogo do Ar יו, de modo que dará lugar a trabalhos próprios deste signo. Corresponde ainda ao mundo Cabalístico das formações.

Neste Decanato realizam-se além dos trabalhos próprios do signo, trabalhos de antecipação, correspondentes à etapa de Aquário, que é o próximo signo de Ar. É regido por Saturno, que é, simultaneamente, o regente de Aquário.

Aquário é grande produtor da fraternidade universal, o que provém de uma mesma linhagem espiritual, a amizade e não a que descenda de um mesmo sangue.

Neste Decanato se executam os mesmos trabalhos de Aquário onde o pensamento se desintegra e se estuda por partes, para ver como funciona por dentro, de aprofundar a ideia, de pô-la à prova, mas é feito antecipadamente, quando ainda não chegou a hora de fazê-lo, são investigadores, que se empenham em fazer algo que está reservado ao seu futuro, mas eles são impacientes e querem fazê-lo já, daí que esses pesquisadores Librianos não disponham dos instrumentos necessários, das instalações adequadas ou mesmo dos livros necessários.

Quando o pensamento universal, produzido por Libra, penetra no interior e organiza todos os nossos tecidos orgânicos, seja no plano físico ou espiritual, produz-se o reconhecimento de todos os valores, e podemos contemplar a partir do interno a paisagem universal, ver como cada coisa se encontra em seu lugar e realiza sua função, tanto no seu aspecto positivo, que chamamos de bem, como na sua contraparte, que que denominamos mal, então compreendemos a ineludível necessidade de tudo o manifestado. Como se trata de um primeiro vislumbre, nesse segundo Decanato, o indivíduo tem uma visão utópica, prematura, dessa harmonia, que corresponde a uma simples visão antecipada e não a uma conquista interna, de modo que não poderá projetar ao exterior, o que na realidade inda não existe em seu interior.

Este será, por excelência, o Decanato das ilusões falidas, pois veremos que na busca do outro, que é trabalho próprio de Libra, este indivíduo exigirá a perfeição do procurado, de modo que o que possa se protagonizar dessa exigência é uma grande ilusão. Nada pode ser construído na superfície exterior se antes não se tiver posto os alicerces que hão de suportar o edifício, ou seja, a construção interior, de modo que esse indivíduo verá desmoronar-se uma e outra vez esse ideal de encontrar as pessoas que se ajustem à perfeição a seu esquema de construir sociedades ideais com as quais melhoram a convivência consigo e entre os homens.

No entanto, o seu trabalho de antecipação não deve ser em vão. Muitas vezes as pessoas que vivem em seu cotidiano, não prestam a devida atenção as possibilidades que sua terra ou seu entorno lhes oferece. Os visionários do segundo Decanato de Libra podem mostrar-se mais ativos na edificação da sociedade justa que os do Segundo Decanato de Aquário.

Os nativos de Libra serão, pois, um poderoso estímulo para os Aquarianos e construirão em seu terreno o que eles não foram capazes de levantar, e ocorrerá o previsível: os de Aquarianos se conscientizarão do valor do que têm em mãos e arrendarão aos Librianos sua iniciativa já que Libra é um signo cardinal, portanto de iniciativa.

Os nativos deste Decanato são geralmente filósofos livres pensadores, que têm a si mesmos, sem estudos regulares, autodidatas, que atuam fora das grandes escolas e não lhes é fácil lançar sua mensagem porque não se encontram no marco adequado já que a interiorização do conhecimento é própria de Aquário e, acabam tendo que faze-lo meio que dependurado.

Os bons aspectos planetários sobre este Decanato lhes destacarão intelectualmente por sua singularidade fazendo-o famosos por haverem lançado teorias admitidas por nominados sábios, elaboradas em condições difíceis, fora de seu escopo, até heroicas, por terem inventado algo meritório sem dispor dos instrumentos nem dos conhecimentos adequados para a sua elaboração, inclusive construções utópicas. Encontraremos este indivíduo dedicado a empresas ligadas a estudos de mercado, clubes de amigos, associações culturais para a confraternização. Não permanecerá muito tempo na direção dessas sociedades, contudo os bons aspectos facilitarão a elaboração de outras entidades semelhantes, de modo que, por sua característica cardinal, criarão entidades que outros gerirão, mas outras novas irão surgindo.

Na ordem pessoal, produzirão sucessivos divórcios e casamentos, rupturas com os amigos e novos encontros iludidos pois acreditará ter encontrado o par ideal, se casará, mas surgirão desavenças porque a harmonia ideal ainda não faz parte de sua conquista interior. Tendera procurar o parceiro, a amizade ao longe, no estrangeiro já que o valor que supõe como o “ideal” sempre está além do ponto em que nos encontramos. Os aspectos negativos acentuarão, naturalmente, a tendência para a ruptura.

O desajustamento com as pessoas com as quais pretende realizar uma empresa em comum será evidente desde o início e é possível que os projetos abortem antes que possam alcançar carta de legalidade. Ocorre que a busca da perfeição será uma necessidade imperiosa, obsessiva e o abismo entre o que o indivíduo é e o que pretende que seja será dramático. Este nativo é um divorcista nato, de modo que proclamará e defenderá o direito ao divórcio e à livre união vigorosamente. Se milita em algum partido político, seu destino será a permanente oposição.

Este nativo será muitas vezes alvo de numerosos ataques intelectuais, embora tenha razão, e será vítima do ostracismo, mas também será o investigador de ideias erradas e de invenções que não funcionam.

Os maus aspectos indicam sempre que, em outras existências, houve abusos na utilização das forças quando disponíveis para construções harmônicas e agora no presente se vê lançado desmedidamente para um futuro que não lhe permite estabilizar nenhum presente.

Os segundos decanatos ou mesmo os segundo signos dos elementos são, geralmente, decanatos de silêncio, em que as forças da natureza agem para dentro e o indivíduo não sente a necessidade de manifestar-se no exterior daí que neste decanato se encontrem frequentemente os filósofos ignorados, perfeitos autodidatas, com ideias avançadíssimas, mas que a sociedade ignora, contudo, estes ativistas estão bem inscritos nos anais cósmicos.

Neste caso, sua elaboração intelectual faz parte do património da humanidade, material e espiritual, em uma próxima existência haverá de nascer sob o signo de Aquário, onde estará no espaço que lhe corresponde e gozará da consideração merecida.

             Carta do Tarô: Dois de espadas

 Recebe o título de Senhor da Paz Restabelecida. Refere-se ao elemento Ar e astrologicamente corresponde a posição de Urano transitando pelo segundo decanato de Libra onde Hochmah manifesta seus fluxos mediante as roupagens deste signo regido por Netzah-Vênus que o influencia e sob as pulsações do regente deste decanato que é Urano.

Neste ponto as restrições de Binah o construtor do universo, centro instituidor de todas as coisas de onde emanam a Lei e a ordem, expressa-se por intermédio de Hochmah o centro produtor de Amor-Sabedoria, o Amor universal, a essência Crística. No mais, o resultado desta alquimia se exteriorizará ainda pelo tom prismático de Binah, o coordenador deste subciclo evolutivo.

O Dois de Espadas é o Vô (יהוה “Yod-He-Vô-He”) do quaternário dos dois, deste modo, possui uma relação com Binah a inteligência ativa e refere-se à influência de Hochmah no plano mental (Hochmah em Vô).

A força de Hochmah, aproveitando-se de uma brecha, de um momento de não formação, penetra no interior dos combatentes e faz com que desistam da luta. Indica que as forças destrutivas das espadas estão em equilíbrio temporário. Os sentimentos de Amor-sabedoria influenciam fortemente os combatentes já no momento de iniciar a luta.

Palavras chaves: Senhor da Paz Restabelecida, restaurada.

(Reta) Amizade, pacto, afinidade.

(Invertida) Falsidade, mentira, má fé, dissimulação.

Clique na imagem ao lado para ser direcionado a pagina principal e baixar gratuitamente o livro.

A CABALA DE HAKASH BA HAKASH

Filosofia Metafísica Quântica Cabalística – TOMO II

A ODISSEIA ZODIACAL

Autor: Inácio Vacchiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s