Como Lidar com um Sociopata #assediomoral


Já tive a infeliz oportunidade de lidar com sociopatas em meu ambiente de trabalho, são pessoas extremamente perigosas que podem causar grande dano material e psicológico a qualquer pessoa e em seu entorno.

São capazes de manipular as pessoas a sua volta como em um jogo de xadrez, de forma fria e calculista não importando o que aconteça.

Tratar com este tipo de pessoa e como andar sobre um campo minado sem saber que se está no meio de uma guerra.

Embora a melhor estratégia e ficar longe, abaixo seguem alguns conselhos para que estejamos preparados quando nos encontrarmos com estes psicopatas.

————–

Sociopatas são charmosos e gentis, mas, quando você passa a conhecê-los, sua verdadeira personalidade é revelada. Se você conhece alguém manipulador e sem remorsos, é importante saber lidar com a situação para não acabar emocionalmente esgotado. Não faz sentido tentar argumentar com um sociopata; a melhor abordagem é mostrar a ele que você é inteligente demais para ser vítima de suas jogadas.

Método 1 de 3:
Compreendendo o Sociopata

  1. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 1
    Reconheça os sinais do sociopata. Sociopatas têm um transtorno de personalidade que os impede de sentir empatia pelos outros. Embora muitas vezes pareçam amigáveis e simpáticos, eles usam do charme para que as pessoas façam as coisas para eles. As seguintes características são comuns entre os sociopatas:
    • Charme superficial; todo mundo parece gostar deles.
    • Inteligência acima da média; têm nível escolar alto e são bem-sucedidos no trabalho.
    • Falta de remorso; não se sentem culpados quando fazem algo errado.
    • Falta de empatia; eles parecem não se importar quando alguém se magoa.
    • Propensão a mentir; fazem isso casualmente, como se não fosse nada.
    • Incapacidade de amar; as pessoas mais próximas a eles percebem que falta algo na relação.
    • Egocentrismo; só se animam quando são o centro das atenções.
  2. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 2
    Compreenda o que estimula um sociopata. Sociopatas não são movidos pelo desejo de tornar o mundo um lugar melhor, ajudar outros ou se responsabilizarem pelos relacionamentos mais íntimos. “Fazer a coisa certa” não é um motivador para o sociopata; na verdade, eles são motivados em exercer poder sobre os outros para conseguir o que desejam: mais poder, dinheiro, sexo casual e assim por diante.
    • Mesmo quando a ação do sociopata parece ser de bom coração ou com gentileza, geralmente há um motivo por trás.
    • Os sociopatas muitas vezes traem seus parceiros, uma vez que eles não sentem culpa por fazê-lo.
  3. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 3
    Entenda que os sociopatas são peritos na arte da manipulação. Eles são perigosos porque conseguem com que as pessoas façam o que querem. Os sociopatas usar várias estratégias para que as pessoas que passam por suas vidas façam as coisas para eles. Eles muitas vezes colocam as pessoas umas contra as outras para atingir seus objetivos, ou fazem os outros mentirem para encobrir a verdade ao favor deles.
    • Os sociopatas estão frequentemente no centro de um triângulo amoroso, e até arruínam um casamento.
    • No ambiente de trabalho, eles prejudicam colegas de trabalho para caírem nas graças do chefe.
    • Em um círculo de amizades, o sociopata pode fazer drama, o que obriga as pessoas a tomarem partido enquanto ele controla friamente toda a situação.
  4. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 4
    Não espere que o sociopata se preocupe com seus sentimentos. Um sociopata não se importa em usar ou magoar alguém, pois eles não têm consciência ou escrúpulos em aproveitar da gentileza e da boa vontade alheia. Uma das principais características do sociopata é que eles não conseguem ver que os outros têm sentimentos ou que podem ser prejudicados por suas ações.
    • Os sociopatas não mudam para terem empatia. Nem “conversar” nem dar mil chances fará dele uma pessoa melhor.
    • Se você puder se distanciar o suficiente para perceber que o problema não tem a ver com você, terá mais poder para enfrentar o sociopata.
  5. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 5
    Para lidar com um sociopata, pense igual a ele. Depois de reconhecer alguém em sua vida que seja sociopata, você será capaz de descobrir o que o estimula e quais são seus pontos fracos. Se você tentar lidar com a pessoa como alguém sem transtorno de personalidade, acabará se frustrando ou mergulhando no drama dela.
    • Ao interagir com um sociopata, mantenha a guarda fechada e resista à tentação de conversar sobre o assunto ou mudar a pessoa.
    • Lembre-se que os sociopatas não são motivados pelo amor, mas pelo poder. Por isso, mostre que eles não podem exercer poder sobre você.

Método 2 de 3:
Comunicando-se Com Eficácia

  1. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 6
    Evite a pessoa de todas as formas. Os sociopatas não são fáceis de lidar; por isso, se puder cortar a pessoa da sua vida, seria o ideal. Seu relacionamento com a pessoa não melhorará. Se você namora alguém que suspeita ser sociopata ou se a pessoa for um amigo, considere terminar o relacionamento.
    • Faça isso principalmente se você tiver personalidade empática e sensível. Os sociopatas prendem as pessoas com essa personalidade o máximo que podem.
    • Em alguns casos, porém, é impossível romper. Talvez o sociopata seja seu chefe, ou pior, seu pai, filho ou irmão. Se for esse o caso, você precisará aprender formas eficazes de lidar com você mesmo.
  2. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 7
    Feche a guarda. Não seja surpreendido em alguma situação vulnerável quando o sociopata estiver por perto. Mostrar suas reais emoções fará de você um ótimo alvo, pois o sociopata o verá como alguém facilmente manipulável. Quando tiver que interagir com essa pessoa, mostre que você tem controle completo de si mesmo.
    • Tenha um rosto alegre sempre que o sociopata estiver por perto. Mesmo se você não estiver se sentindo alegre no dia, não revele seu verdadeiro estado de espírito à pessoa.
    • É importante mostrar que você não pode ser facilmente manipulado ou seduzido. Se você se sente vulnerável, fique longe da pessoa naquele dia.
  3. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 8
    Não acredite em nada que que a pessoa lhe disser. Lembre-se que os sociopatas são especialistas em “apertar o botão certo” das pessoas e obter algo delas. Se você se antecipar, estará menos propenso a se tornar vítima das manipulações do sociopata. Mantenha-se calmo e descontraído, não importa o que a pessoa disser.
    • Por exemplo, você pode estar perfeitamente bem no trabalho quando seu colega de trabalho sociopata chega diz que o patrão viu um enorme problema com seu mais recente relatório. Não acredite no que o sociopata disse até ouvir diretamente da boca do chefe.
    • O sociopata do grupo de amigos pode casualmente falar sobre uma festa para a qual você não foi convidado. Espere até ouvir essa história de outra pessoa antes de reagir.
  4. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 9
    Tenha conversas neutras. Em vez de deixar o sociopata falar, controle a conversa e leve-a para onde você desejar. Dessa forma, você ficará sempre em território confortável, e não dará nenhuma chance da pessoa surpreendê-lo com alguma farpa. Concorde com a pessoa de forma cortês sempre que puder.
    • Fale, sobre qualquer coisa neutra e segura, como política, previsão do tempo, notícias, esportes, e assim por diante.
    • Mude de assunto continuamente (principalmente se ele disser alguma coisa para tentar assediá-lo); evite longos momentos de silêncio.
  5. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 10
    Nunca compartilhe informações pessoais. Nunca fale sobre sua família, amigos, negócios, finanças, sonhos, objetivos, e assim por diante. Os sociopatas gostam de usar você, seus entes queridos, seus recursos e suas conexões. Para impedir que a pessoa tenha o que ela quer, mostre que você não tem nada para dar.
    • Se o que a pessoa quer de você é dinheiro, não facilite. O sociopata acessará seus extratos bancários e olhará sua conta sem sua permissão; por isso, tome cuidado e mantenha seus registros em segurança. Passe a impressão de que nem você nem seus amigos e familiares têm dinheiro; assim, você não será visto como alvo.
    • Se a pessoa quer poder, passe a impressão de que você não tem uma boa rede de contatos.
    • Se ele quiser usá-lo, mostre-se uma pessoa menos interessante.
  6. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 11
    Evite conversar sobre o que o faz feliz ou triste. Se a pessoa descobrir o que você realmente ama e curte, ou o que o deixa com raiva e triste, al usará essas informações contra você.
    • Evite reclamar, pois qualquer informação sobre seus pontos fracos, coisas que o incomoda mental, emocional ou psicologicamente, ou qualquer coisa que o magoa será arsenal a ser usado para aterrorizar você.
    • Não deixe a pessoa saber quando você está magoado. O sociopata tenderá a repetir esse comportamento para magoá-lo novamente.

Método 3 de 3:
Protegendo-se

  1. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 12
    Não conte seus planos. Se o sociopata souber dos seus planos de antemão, ele poderá usar essas informações para assediar, menosprezar, desencorajar ou humilhar você. Se você pretende fazer algo, não diga ao sociopata antes do momento certo. Espere até concluir a tarefa antes de compartilhar qualquer informação.
    • Por exemplo, se você pensa em mudar de emprego, primeiro faça a entrevista, consiga o novo trabalho e demita-se do antigo emprego antes de compartilhar a boa notícia com o sociopata. Quando o evento já tiver ocorrido, ele não conseguirá achar uma maneira de evitar que você tenha sucesso.
    • Se você vive ou trabalha com um sociopata, aproveite quando ele estiver ausente do escritório ou de casa para fazer compras ou pequenas mudanças, ou mesmo para fazer algumas coisas.
  2. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 13
    Mostre ao sociopata que você é não tem medo dele. Se você quer que o sociopata suma completamente da sua vida, ele tem que perceber que você não será enganado. O sociopata acabará por desistir e passará para um alvo mais fácil.
    • Não reaja quando a pessoa perseguir você.
    • Chamar a atenção da pessoa calmamente quando ele mentir descaradamente.
    • Mostre que você não é suscetível às suas manipulações.
  3. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 14
    Não se endivide com um sociopata. Uma das principais formas de os sociopatas conseguirem envolver as pessoas é criando uma situação que lhes dá poder. Não faça nada que o sociopata possa usar mais tarde para controlar seu comportamento. Por exemplo:
    • Não peça dinheiro emprestado de um sociopata.
    • Não aceite nenhum presente. Se a pessoa quiser “falar bem de você” para o chefe, recuse educadamente.
    • Não aceite nenhum tipo de ajuda.
    • Não faça nada que o deixe na condição de ter que pedir desculpas.
  4. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 15
    Se ocorrer assédio, registre na delegacia. Se sentir que a pessoa tenta prejudicar você, comece a coletar provas. Como sociopatas são geralmente bastante populares, você pode acabar em uma situação em que ninguém acredita em você, a menos que você tenha provas de que está sendo injustiçado. Guarde e-mails e outras correspondências para compartilhar com as outras partes envolvidas, se necessário.
    • Tenha cuidado quando documentar suas interações com a pessoa. Gravar alguém sem o conhecimento dela é crime em algumas situações. Se você for assediado e precisar reunir provas, é melhor falar primeiro com um advogado para descobrir a melhor estratégia.
  5. Imagem intitulada Deal With a Sociopath Step 16
    Procure ajuda profissional. Se você se sente emocionalmente suscetível ao sociopata, e ele exerce um impacto negativo em sua vida, ajudará se você falar sobre isso com alguém que não esteja envolvido. Procure algum terapeuta ou psicólogo; ele pode ajudá-lo a trabalhar com o que está acontecendo e a dar mais ferramentas para lidar com o sociopata.

Dicas

  • Aprenda a dizer não. Nada melhor para desviar a atenção de um sociopata do que a falta de “oferta” (dinheiro ou ajuda).
  • Nunca diga a eles que estão errados. O sociopata sempre acha que está certos e sempre tentará vencer, não importa o quê. Se você disser que ele está errado, provocará uma briga ou uma discussão.
  • O sociopata precisa saber que o fim está próximo. Não se interesse por nada que ele tenha a dizer, pois ele sabe manipular os outros para acreditarem que a melhor maneira de fazer as coisas é a dele. Tenha cuidado e melhore sua percepção.
  • Fique na sua, sem esboçar nenhuma emoção – não levante a voz nem chore. Repita algumas frases se ele tentar mudar sua opinião sobre algo, e não ceda. Repita coisas como “Não… isso não funcionará comigo… obrigado, mas isso não serve para mim… obrigado, levarei em consideração”. Depois, continue dando respostas vagas ou outras “respostas-saída”. Não permita que ele arranque informações de você.
  • Os sociopatas ainda são seres humanos. Eles não são perigosos como a mídia retrata. Na verdade, 4 por cento dos CEOs são considerados psicopatas. Eles simplesmente não têm alguns traços que os classifiquem como “assassinos”. Sem remorso ou culpa, e cheios de confiança e charme, os psicopatas dão grandes CEOs e outros cargos poderosos.
  • Investiguem tudo o que dizem. Os sociopatas mentem sobre tudo, mesmo quando não há nenhum ganho.
  • Mantenha sempre a calma e nunca deixe suas emoções aparecerem na frente de um sociopata, pois ele pode usá-las contra você.

Avisos

  • A prevenção é a melhor maneira de lidar com um sociopata. Se evitar por completo não for uma opção, então procure por figuras com autoridade em sua vida e mantenha essas pessoas por perto, e mencione-as frequentemente na frente do psicopata. Mencione que você conta tudo sobre sua vida para essas pessoas. Os psicopatas não se sentem confortáveis próximos da polícia ou de médicos e afins.

Fonte: pt.m.wikihow

Esse post foi publicado em Assédio moral, Saúde. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Como Lidar com um Sociopata #assediomoral

  1. PEDRO DOS SANTOS CARDOSO DE FREITAS disse:

    CARTA ABERTA A PRESIDENTA DILMA SOBRE SEU PEDIDO DE AFASTAMENTO PELA OAB

    Presidenta, a Senhora que nunca fez nada para acabar com o exame da OAB, mantendo a chaga social contra os milhões de bacharéis em direito que estão desempregados, tendo seus sonhos dilacerados por não exercer a profissão com dignidade, mesmo depois de formados, os quais são impedidos pelo exame da OAB/FGV, certame este, que reprova mais de 10% dos inscritos. A OAB sempre manteve o seu poder acima do ESTADO(CF/88), para ditar regras próprias que são de seu interesse de cunho particular. O exame da OAB/FGV, já arrecadou mais de 1 bilhão de reais desde 1994, quando foi implantado, que nunca pagou imposto e nem tampouco prestação de contas ao TCU.

    A OAB que Vossa Excelência sempre deu atenção e apoiou a manutenção do seu exame, esta entidade protocolou ontem(28/03/2016), seu pedido de AFASTAMENTO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA.

    Ainda há tempo da Senhora Presidenta Dilma, fazer algo pelos Bacharéis em Direito, que clamam por justiça, acabando com o exame da OAB. De forma alternativa, Vossa Excelência, pode mudar a aplicação do certame para o MEC ou ainda dispensando do exame quem tem pós graduação em direito; outrossim, podendo ser substituído por uma residência jurídica de no mínimo um ano após a formatura dos bacharéis em direito.

    São Paulo-SP, 28 de Março de 2.016

    Pedro dos Santos Cardoso de Freitas – Presidente Nacional dos Bacharéis Desempregados e Endividados pelo FIES
    João Batista Suave – Presidente Nacional da Marcha dos Bacharéis do Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s