Parlamentares discutem fim da obrigatoriedade do Exame da OAB #FimDaReservaDeMercadoDaOAB


Apenas um em cada cinco bacharéis em Direito, inscritos no último Exame da Ordem, foi aprovado .

No último dia 11 de agosto, data em que é comemorado o Dia do Advogado, o deputado Ricardo Barros (PP-PR) apresentou à Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania parecer favorável a cinco projetos de lei que acabam com a obrigatoriedade do exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para o exercício da advocacia. Apenas um em cada cinco bacharéis em Direito, inscritos no último exame da OAB, foi aprovado.

Para discutir esse assunto, o programa Brasil em Debate recebe os deputados Ricardo Barros(PP-PR) e Wadih Damous (PT-RJ).

Apresentação – Fabiana Melo

 

Esse post foi publicado em EXAME DE ORDEM e marcado . Guardar link permanente.

8 respostas para Parlamentares discutem fim da obrigatoriedade do Exame da OAB #FimDaReservaDeMercadoDaOAB

  1. LAZARO LUIZ DA SILVA disse:

    bacharel com várias especialidades, escrevem livros, até mesmo para promotor, defensor, juiz, ministro. Aptidão minima para o exercício da advocacia não seria os cinco anos ralando a bunda em uma cadeira da faculdade que o Bacharel foi diplomado ?????

  2. Claudinei José Iohann disse:

    Vai menti no inferno. Pra ser Juiz não é necessário ser exclusivamente advogado antes. Você não sabem nem o que ta falando. Da até nojo de ouvir.

  3. marcos coelho disse:

    Também estou decepcionado por ter pensado que uma faculdade iria mudar a minha vida.Era segurança e pensei que terminando a universidade ficaria feliz por um diploma que levei 5 anos para obter . hoje estou desempregado,tentando motivar-me. fiquei com depressão, síndrome do pânico por causa de uma frustração.Fui enganado conforme muitos foram,mas hoje estou tentando superar isso,Pois Deus é o meu refugio,mas as vezes essa ferida dói.

  4. PEDRO DOS SANTOS CARDOSO DE FREITAS disse:

    *************************CARTA ABERTA Nº 05, AO DEPUTADO FEDERAL WADIH DAMOUS E VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA MICHEL TEMER

    A/C da Presidenta Dilma Rousseff, Presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, Presidente do Senado e Congresso Nacional Renan Calheiros, demais Deputados Federais, Senadores, Governadores, Prefeitos, Vereadores e Líderes Partidários

    Nós, que somos cerca de cinco milhões de bacharéis em direito, vítimas do EXAME DA OAB, REPUDIAMOS a atitude de Vossa Excelência (Deputado Federal Wadih Damous) e do Vice-Presidente da República Michel Temer, em continuarem defendendo o exame da OAB, exame este, que gera milhões de desemprego, que aumenta a exclusão social e o desemprego da sociedade, parte desta sociedade é representada pelos milhões de bacharéis em direito e suas famílias.

    O exame da OAB, além de sua função corporativista, tem o escopo específico de reprovação em massa para manter a reserva de mercado. Outro objetivo do exame da OAB é tornar seu exame muito difícil de compreender, sem noção pelo tamanho de pegadinhas inseridas nas avaliações, sem didática pedagógica, com a finalidade cristalina de exclusão social e reprovação em massa dos bacharéis em direito, aumentando os cofres milionários da poderosa OAB e donos de cursos preparatórios do exame da OAB/FGV; dinheiro este, que nunca foi prestado contas ao TCU e a ninguém.

    Ressaltamos, que o Ex-Presidente Nacional da OAB, “Ophir Cavalcante”, não prestou o exame de ordem, além de ter criticado o Congresso Nacional, afirmando que esta casa legislativa, que também pertence ao POVO BRASILEIRO, é um “PÂNTANO”.

    As provas do exame da OAB é mais difícil das que são aplicadas a nível de concurso público para magistratura, membros do ministério público, delegados de polícia e outras carreiras jurídicas.

    Rio de Janeiro – RJ, 07 de Setembro de 2.015

    João Batista Suave – Presidente Nacional da Marcha dos Bacharéis em Direito do Brasil, Sede: ES
    Pedro dos Santos Cardoso de Freitas – Presidente Nacional dos Bacharéis Desempregados, Sede: SP

  5. jose hipolito disse:

    Esse i. Deputado Wadih Damous nem sequer fez exame não passa pra nada… a oab dele e antiga, deve ter feito estágio que nem era supervisionado e sim de orelha. esse ao é igual ao ex presidente da oab OPHIR: “EU NÃO FIZ EXAME DE ORDEM”…TUDO INDICA RESERVA DE MERCADO…se for aprovado a PL quero ver esses grandes escritórios, vejam a defensoria não conseguem atender o povo, além do mais as formiguinhas (bacharéis e estagiários) serão independentes e vão dar show. tem mercado a todos. quantos bel. se suicidaram, e quantos clientes e deputados continuam roubando este país. outro ponto, sabe quem deu aula para esse povo…bacharel com várias especialidades, escrevem livros, até mesmo para promotor, defensor, juiz, ministro. humm
    É ai a oab libera para Portugueses advogarem, ora qual motivo…um absurdo, este grandes escritórios com esquemas internacionais. além do mais, não pagam impostos pela arrecadação do exame. hummmmm …todos safados. libera a oab ou passa um pente fino em todos os velhinhos….mas desde que a oab não manipule a prova em reprovação em massa…já vi vários profissionais advogados com 25 anos de profissão estarem passando fome…sabe porque ninguém confia nele…LADRÃO ou velhos e crianças…mete a mão junto com prefeito e seus lideres nas contas públicas. vamos ver libera de uma vez ou pente fino em todos.

  6. José disse:

    Provavelmente os Bacharéis não tenha tantas aptidões como eles tem, principalmente para roubar o dinheiro do povo e do estado. Isso tudo é jogada ensaiado. Os debates começam sempre um pouco antes das campanhas eleitorais. Quando eles tem interesse , votam num dia e vão até a madrugada. É que nem um casal de namorados, no iniciou tudo são flores, depois de casados a vida dos dois virá num inferno. O mesmo ocorre com o exame da OAB, um finge que está defendendo e o outro finge que quer acabar! Tudo teatro, são bons atores. Não é demagogia, falei diretamente para o Deputado que representa a minha região.
    Quantos anos estão parados mais de 20 PLs. no Congresso?

  7. José disse:

    O Estado do Rio Grande do Sul está quebrado, o Governador que é um homem integro até a presente data, não consegue pagar o funcionalismo, do qual eu também sou vítima. O golpe que o Presidente Nacional da OAB deu no Estado do Piauí, nos precatórios dos Professores e Merendeiras, às quadrilhas de Advogados também aplicaram no Rio Grande do Sul. E o que é mais grave, eles falsificavam alvarás e assinaturas dos Juízes. Ainda tem uns cara-de-pau que defendem essas máfias desgraçadas e imundas, argumentando que os Bacharéis colocam em risco o Patrimônio e a Liberdade das pessoas. Os maiores bandidos e estelionatários dando moral para os Bacharéis, que nem sequer podem trabalhar.

  8. manuel disse:

    Aptidão minima para o exercício da advocacia não seria os cinco anos ralando a bunda em uma cadeira da faculdade que o Bacharel foi diplomado ????? #bandodepicareta#

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s