Minha casa minha vida sofre mais um golpe via CEF


A partir de outubro, após as eleições, quem não tiver carteira assinada ou não for ao menos microempreendedor não terá direito de assinar contrato com a Caixa Econômica Federal pelo programa minha casa minha vida.

Atualmente tem-se utilizado recursos como o DECORE – Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos, feita por um contador para estes casos.

A questão é que em muitas cidades para se liberar o alvará destinado a ser microempreendedor individual é necessário documento que comprove que a pessoa física more em uma residência regularizada, com habite-se, pagando-se IPTU sobre um imóvel construído.

O problema é grave já que a exemplo de João Pessoa – PB, principalmente no Nordeste, as cidades possuem dezenas de bairros completamente habitados, com moradias construídas, mas sem o habite-se.

São pessoas de baixa renda que não podem trabalhar na legalidade em razão das dificuldades burocráticas exigidas pelas prefeituras.

Ficam impedidas de emitir notas fiscais e consequentemente não podem prestar serviços para Empresas.

Em João Pessoa além do mal atendimento, dispensados a população por parte de servidores sem concurso público, o cidadão não tem sequer um servidor qualificado que possa lhe dar informações de como resolver a questão. São geralmente chefias sem formação superior colocados pelo prefeito de plantão.

Em razão de tudo isto, e muito mais, desde julho o mercado do MCMV tem sentido uma queda nas vendas.

Esse post foi publicado em Notícias e política e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para Minha casa minha vida sofre mais um golpe via CEF

  1. Márcio disse:

    Parece que essa questão do funcionalismo público nunca vai mudar. Recentemente compareci em duas repartições da RFB para dar entrada no cancelamento de um CEI e parecia que eu havia solicitado algo de outro mundo, pois ninguém sabia o que era tal cadastro. Inacreditável!

  2. JOSE SILO DA SILVA disse:

    Vamos votar na candidata a Presidência da República, Marina Silva, nesta eleição. A Presidenta DILMA e o Ex-Presidente Lula nunca fizeram nada em relação a classe dos mais de cinco milhões de bacharéis em direito. JUSTIÇA JÁ!

    Se dependermos da Presidenta Dilma e do Ex-Presidente Lula, a classe dos bacharéis em direito serão eternamente escravos do exame cruel da OAB.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s