Eternit pode ser condenada em R$ 1 bilhão por “pulmão de pedra” (contaminação por amianto) #FIMdaCORRUPÇÃO


Quem vende amianto é assassino? E quem compra?

Qual o preço da ambição?

O amianto causa morte lenta e silenciosa por asfixia, com direito a extração dos pulmões. Como colaboração pelo seu labor a empresa Eternit, fabricante de insumos com o material, oferece aos seus funcionários terminais um bujão de oxigênio e uma coroa de flores para a família.

O os efeitos do amianto nos pulmões podem demorar até 30 anos para manifestarem seus efeitos totais. A morte e certa.

O Brasil é um dos raros países do terceiro mundo que ainda tolera o amianto, mas a pergunta que não quer calar é “por quê”?

Como conseguem alvarás, laudos, liminares, sentenças favoráveis para prosseguir assassinando lentamente seus próprios empregados de forma “legal” e ainda assim saírem no lucro?

Veja os detalhes nesta Dantesca reportagem extraída do Ministério do Trabalho:

http://portal.mpt.gov.br/wps/wcm/connect/6e46290041b81151b0c3f7bbcecb92c3/Labor3_email.pdf?MOD=AJPERES&CACHEID=6e46290041b81151b0c3f7bbcecb92c3

Esse post foi publicado em Direito e justiça, Saúde e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Eternit pode ser condenada em R$ 1 bilhão por “pulmão de pedra” (contaminação por amianto) #FIMdaCORRUPÇÃO

  1. Tiago Leme Meneghin disse:

    No Brasil, nenhuma pessoa jurídica foi e, decerto, jamais será condenada a pagar uma indenização de 1 bilhão de reais. Acreditar numa indenização desse nível é como acreditar em papai noel. Só os tolos o fazem. Querem saber por que o amianto ainda é tolerado no Brasil? A razão é uma só: NO BRASIL, JUSTIÇA NÃO SE FAZ… SE COMPRA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s