Mensagem Oficial MNBD-OABB 11-08-2013. CDHM debate #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL #CPIdaOAB


Prezados(as) MNBDistas:

Mais uma vez peço desculpas pela falta de informações, pois nosso trabalho de bastidores não rendeu nenhum fruto confirmado a ser divulgado ainda. São sementes que estão sendo plantadas e que darão frutos em breve, aliás, já estão frutificando… Questão de mais uns dias e teremos resultados excelentes…

Teremos alguns assuntos para informar, os ataques hacker à nosso site, as manifestações nas ruas pelo Brasil, a greve de fome do colega Gilberto na frente da OAB Nacional e a audiência pública marcada para o dia 15 agora, próxima 5ª feira…

HACKER HADES

Todos já sabem que é só aparecer algo que chame a atenção da imprensa referente ao tema exame da OAB, nosso site sofre ataques hackers… Faz mais de um ano que nosso contador de visitas não funciona por causa do 1º ataque, logo após começarmos a divulgar as provas documentais de manipulação do exame.

Nos últimos dias, tivemos uma sequencia de ataques. E desta vez, o hacker até assinou – HADES (para quem não sabe, é o rei dos infernos…) – e até divulgou seu twitter… Ele apagou a página inicial (estamos arrumando ainda…) e quem nos acessava só via a imagem que ele deixou.

Tivemos que trabalhar em conjunto com os técnicos da HostNet (nossa provedora de hospedagem do site) para trocar programas, senhas e firewalls de segurança, mas acho que por hora poderemos usar nosso site oficial para divulgar nossa luta.

O caminho alternativo foi nossa comunidade no Facebook (participem, acompanhem, compartilhem!!!) onde postamos as novidades… O link é _____

AS MANIFESTAÇÕES DE RUA

Pedimos aos colegas que aproveitassem as manifestações pelo Brasil para irem às ruas levando a questão do exame da OAB, em mensagens via email e pelo Facebook. Vários foram e registraram seu protesto.

O número, porém foi pequeno e não obtivemos um retorno nas mídias regulares com as manifestações feitas. Aos que foram às ruas, nosso agradecimento e reconhecimento pela coragem.

Sabemos que uma grande maioria tem vergonha por não ter passado neste estelionatário exame e outra parte tem medo de retaliações futuras da OAB. Justamente por esta razão é que não censuramos os colegas por não irem às ruas, apenas lamentamos que mais uma vez perdemos uma oportunidade de chamar a atenção da sociedade para o crime que a OAB comete com os bacharéis em todo o País.

GREVE DE FOME DO COLEGA GILBERTO

O colega Antonio Gilberto Silva, está em greve de fome desde a 2ª feira, dia 5/08, quando a OAB decidiu que não iria mudar a avaliação e as notas das outras provas que não Civil e Tributário.

Para quem não está informado a respeito, os colegas examinandos do X exame, estão exigindo correção igual para todas as provas (trabalhista, penal, administrativo, empresarial, etc) como as que foram dadas às provas de Civil e Tributário, onde houve correção e pontos concedidos a todos os examinandos.

O recuo da OAB em corrigir decentemente as provas de Civil e Tributário, aumentaram (mais que o dobro da média histórica de 10 a 15% de aprovação) para 24%. Só que com isto, a OAB abriu espaço para que examinandos de outras áreas exigissem isonomia na correção.

Há ainda um “furo” no edital do X Exame, que prevê que pontos concedidos – mesmo na 2ª fase – serão para TODOS, sem especificar áreas de provas…

Assim, na 2ª feira, um bom número de colegas esteve na frente da OAB Nacional, com carro de som, faixas e cartazes, pararam o trânsito, fizeram barulho e com isto, a reunião da OAB com os conselheiros federais acabou dividida entre os que apoiavam a correção para outras áreas (especialmente Penal) e os que não queriam mudar mais nada.

Acabou prevalecendo a posição do Presidente Marcus Furtado, de NÃO haver mais mudanças. Foi quando o colega Gilberto decidiu iniciar sua greve de fome.

Nos dias seguintes, Gilberto já deu entrevistas para os principais veículos de comunicação do Brasil e do mundo… Desde o New York Times americano, passando por jornais da Espanha, Portugal, Italia, Uruguay, etc…

Na 4ª feira, dia 07/08, a grave de fome já era comentário no Congresso Nacional, com movimentação dos Deputados Eduardo Cunha, Marco Feliciano, Vicentinho, Dr. Protógenes, Izalci, Bolsonaro, Dr. Grilo e muitos outros…

Os colegas estão ainda criando estrutura de apoio à greve do colega Gilberto, levando refrigerantes, barraca, cuidando da segurança noturna dele e mantendo sempre colegas à sua volta.

Ele me informou que muitos colegas estão entrando em contato para irem até Brasília e aderirem à sua greve. Assim, durante o fim de semana deveremos já ter um grupo em greve de fome, reivindicando prioritariamente 2 pontos:

1 – anulação peça de trabalho e penal, juntando-se às anulações já realizadas na provas de Civil e Tributário e por isonomia prevista no edital deste X exame da OAB (que não separa as provas e iguala todos os examinandos) que afirma que “as questões anuladas terão seus pontos atribuídos a TODOS os examinandos”.

2 – identificação da banca revisora, pois há boatos de que a mesma NÃO é composta por membros da OAB e nem da Fundação Getúlio Vargas contratada para aplicar as provas e sim, de uma empresa sub-contratada pela FGV para aplicar critérios pré-estabelecidos pela OAB.

A discussão sobre os erros da prova do X Exame, porém levam a abertura dos debates sobre as provas documentais de manipulação que divulgamos há mais de 1 ano e que demonstra que os problemas não estão NESTE exame e sim, que é um fato usual, que se registra em TODAS as provas desde que este estelionatário exame foi instituído.

AUDIÊNCIA PÚBLICA DIA 13

O Deputado mineiro Dr. Grilo (PSL/MG) na audiência pública da Comissão de Direitos Humanos de 4ª feira, protocolou pedido de audiência para debater a questão exame da OAB e a teve aceita pelo Presidente da Comissão, Pastor Marco Feliciano.

A data marcada é dia 13 de agosto, próxima 3ª feira. O convite enviado está em anexo.

Os colegas parceiros do Bacharéis em Ação já estavam se preparando para uma reunião em Brasília no dia 20 de agosto. Agora, com esta audiência pública agendada, temos um evento que merece a presença de TODOS os colegas, bacharéis e acadêmicos, que tenham ou não feito o X Exame da OAB.

Temos agora um motivo, um objetivo e um planejamento efetivo para nos reunirmos em Brasília.

Os colegas que puderem estar presentes, levem faixas, cartazes, façam camisetas, bottons, o que puderem.

Vamos trabalhar para neste 2º semestre colocar novamente o tema exame da OAB em pauta.

MUDANÇA DE DOMICÍLIO

Como já havia informado aos colegas, minha residência segue sendo em Presidente Prudente/SP, mas estarei mudando meu domicílio de São Paulo para Brasília.

Agradeço ao Presidente Distrital Astrogildo Almeida e aos colegas brasilienses por me auxiliarem na minha busca por condições de me estabelecer na capital federal.

Na 2ª feira estarei chegando de “mala e cuia” para estabelecer minha nova base e a partir de então terei as respostas e informações que estou devendo aos colegas sobre a proposta de Residência Jurídica do Deputado Eduardo Cunha, do “estágio social” proposto pelo Ministro Gilmar Mendes, da posição do MEC sobre as propostas da OAB de mudar o estágio (e acabar com o curso de direito no Brasil…) e da posição do deputado Fábio Trad sobre os projetos de lei que ele irá relatar para tramitação na CCJC.

Fraternal abraço e até Brasília no dia 13 !!!

Reynaldo Arantes

Oficio ao MNBD-OABB: – – – – REYNALDO ARANTES – Of 153 2013 CDHM5

Esse post foi publicado em A Marcha dos Bacharéis, EXAME DE ORDEM, Mensagem oficial do MNBD/OABB e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Mensagem Oficial MNBD-OABB 11-08-2013. CDHM debate #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL #CPIdaOAB

  1. Jonas Ribeiro disse:

    Merece atenção a greve de fome do colega Gilberto: primeiro, porque as autoridades deste País só tomam posição a favor de algo relevante, quando uma vida Humana é posta em sacrifício, infelizmente. Segundo, o X Exame da Ordem, na prova de Direito do Trabalho, questão 4, foi colocada uma pergunta, que não poderia, pois, o artigo indicado pela FGV, foi modificado pela MP 597 de 26.12.2012, que só foi convertida em lei no dia 20.06.2013, isto é, Doutos, a Medida Provisória modificou literalmente o artigo 3.º da Lei 10.101, logo o conteúdo do referido instituto não poderia ser objeto de questionamento, pois estava sob o efeito da MP, até então.. .

  2. Karla Galvão disse:

    Tenho acompanhado a luta, mais gostaria de saber porque vocês não criam uma comissão com todos os representantes da classe contra o exame de ordem com o Reynaldo Arantes, Wyllian Johnes, Gisa Moura e tantos outros e arrecadem um fundo criando uma conta bancaria para veicular na mídia televisiva toda a insatisfação, ou seja matéria paga, sei que é muito caro mais tenho certeza se for algo organizado e serio todos os bachareis iriam contribuir.

  3. MÁRCIO MOURA disse:

    Só para esclarecimento, não ficou claro se a Audiência Pública seria no dia 13 (terça-feira) ou dia 15 (quinta-feira), pois existem duas datas para essa Audiências. Se possível divulgar a data certa, ou então haverá duas audiências da forma publicada. Grato.

  4. MÁRCIO MOURA disse:

    Com o devido respeito ao colega Reynaldo Arantes pela sua luta, mas ainda defender posição de Gilmar Mendes de Estagio Social onde ele votou contra os Bels. Direito no RE 603.583-RS é enxugar gelo, sonhar com posição em nosso favor do Dep. Fabio Trad que também votou contra os Bels. Direito no Requerimento de urgência 2154/11 do Dep. Eduardo Cunha, é utopia, pois o mesmo foi Presidente da OAB no MT e não vai ser contra a OAB. Ir até a OAB para revisar questões de prova junto aos algozes da OAB, é pura perda de tempo e desgaste. O objetivo dos Bels. Direito é acabar com esse “Atentado” Constitucional, e não existe outra alternativa para dizimar com o “Estelionato” da OAB. portanto, o trabalho tem que ser para acabar de vez com essa “Mazela” social que se denomina “V” exame da OAB. O nosso escopo Inarredável e não temos outra posição, é a extinção desse “Famigerado” exame. Sei da luta dos colegas Reynaldo Arantes, Wyllian Johnes, Gisa Moura e tantos outros, mas é preciso ter uma só posição numa só bandeira que é a “Dizimar” com esse vexatório exame e ainda criar uma CPI para saber para onde foi e vai parar os milhões arrecadados à custa dos Bels. Direito, como também um Projeto de Lei que os filiados da OAB possam votar na escolha da Presidência Nacional e não um “Grupesco” sem dar oportunidade aos seus mais de 700/800 filiados em todo Brasil que não podem votar. E olhem que a OAB defendem ficha limpa e transparência….só para os outros, dentro da sua caixa preta não se aplica. Abs. a todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s