Develando o Mistério de N. S. Aparecida que aparece nas toras de madeira #Filosofia


Em vários locais do pais estão sendo encontradas imagens de Nossa Senhora Aparecida no cerne dos troncos de árvores.

No altar da igreja São Sebastião, em Jaquirana, na Serra do Rio Grande do Sul, uma destas tora de madeira está sendo cultuada.

Tora de madeira foi colocada em altar de igreja em Jaquirana (Foto: Daniela Xu/Agência RBS)

Observando as ondulações, percebe-se que a antiga árvore suportou cerca de 17 invernos e que alguém, alguma coisa violou sua casca ocasionando uma reentrância por onde entrou: umidade, parasitas, etc.

A invasão é maior no perímetro externo, sendo dificultada a medida que se direciona ao centro do cerne, formando um triangulo e dando a impressão de que a imagem da santa está rodeada por várias aureolas.

A ciência pode explicar!!! Mas quando entramos no mundo metafísico, da física quântica, nos deparamos com um universo muito sutil, volátil que tem ligação de existência direta com nosso próprio Ser.

Por estes dias assistimos um filme intitulado “As aventuras de PI”, onde o protagonistas, professor versado em várias ciência nos indus o conhecimento de que sempre escolhemos a versão que melhor nos agrada, inclusive no que tange existência de Deus.

Vamos convir que é muito melhor ter uma mãe do que ficarmos órfãos. E com toda a energia dispensada por milhares de pessoas ao longo dos séculos é muito provável que exista mesmo algum arquétipo. Estamos falando de energia que sai de algum lugar para se unir a outros.

E=MC² –> Matéria = Energia / velocidade da luz ao quadrado, ou seja a energia pode cristalizar-se em matéria (massa); pode ficar presa em uma forma – como no caso de nosso próprio corpo físico, pode existir de forma mais sutil invisível aos olhos conforme sua vibração e por fim atuar sobre a matéria que também é energia.

Assim, qualquer coisa que se diga sobre o fato pode ser dado como verdadeiro.

Então temos que a imagem no tronco pode ser da Mãe Divina como uma manifestação de um inconsciente coletivo que se despejou como um raio na planta ou pode ser o fruto do acaso explicado pela ciência.

A escolha e sua.

Inacio Vacchiano

Filósofo

Esse post foi publicado em Filosofia e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s