Marcha nacional contra a corrupçao 19 a 21 de Abril de 2013. #FIMdaCORRUPÇÃO


marchacontracorrupcaoAs redes sociais estão se organizando para uma Marcha Nacional contra a corrupção.

O Povo Brasileiro não aceita mais que votos de confiança, mandatos sejam instrumentos utilizados para desvios de verbas que terminam por tornar a vida das pessoas insuportáveis (aumento da criminalidade, caos na saúde,  educação), imunidade para eximir-se de crimes etc.

Os Empresários também estão descontentes com o fato de terem de pagar propina aos servidores de órgãos públicos  para terem direito de trabalhar (Prefeituras – liberação de alvarás, certidões, documentos diversos -, Bancos Púbicos – minha casa minha vida, etc), fiscais que criam fatos geradores inexistentes para extorquir as Empresas, licitações fraudulentas, pagamento de propinas para receber quando se fura esquemas etc.

Um documento essencial para uma Empresa funcionar pode demorar meses em um Órgão Público para ser liberado caso não se libere propina. Uma Empresa parada não tem como subsistir, já que há encargos de manutenção, e as obrigações acessórias podem gerar multas altíssimas.

Onde há demora para liberação de documentos, exigências intermináveis, com certeza há corrupção. Como resultado temos falência, desemprego, baixos salários, PIB em queda.

Não há como alguém dizer que não tem nada com isto. Pois a corrupção atinge a todos.

Alguns participantes:

http://www.facebook.com/queroofimdacorrupcao

http://www.facebook.com/RealidadeImunda

http://www.facebook.com/diadobasta

http://www.facebook.com/AnonymousBr4sil

http://www.facebook.com/naomecalarei

Esse post foi publicado em Fim da corrupção e marcado . Guardar link permanente.

8 respostas para Marcha nacional contra a corrupçao 19 a 21 de Abril de 2013. #FIMdaCORRUPÇÃO

  1. FABIANO DA COSTA ANDRADE disse:

    Ocorreu, não vi nada na imprensa?

  2. JOÃO BATISTA SUAVE disse:

    CARTA ABERTA Nº 02, AOS EXCELENTÍSSIMOS SENHORES DEPUTADOS FEDERAIS, LÍDERES DAS BANCADAS DA CÂMARA E DO SENADO E SENADORES DA REPÚBLICA :
    Nós BACHARÉIS EM DIREITO de todo o Brasil, estamos contando com apoio de V.Exa. de forma irrestrita para acabar com o exame desleal imposto pela OAB, pois os milhares de “Bacharéis em Direito”, são impedidos de advogar, por um exame, que não têm nenhuma função pedagógica, que nada acrescenta em termos de conteúdo didático aos já formados pela INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR, pois quase toda a sociedade de um modo em geral, sabem que a OAB arrecada todo ano valores milionários, para impor tal restrição e discriminação à aqueles que já concluíram o seu curso universitário, de acordo com as exigência do MEC, por não ter sido “aprovados na sua avaliação corporativista”. Os quais são impedidos de exercer com dignidade sua profissão, inclusive estão se amontoando aos demais milhões de desempregados em todo País; País este, que dizem “ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO”. Ressalta-se que este aumento do nível de desemprego que assola em nosso País, tende a aumentar, a partir da formação de novos “Bacharéis em Direito”, os quais também serão submetidos ao constrangimento ilegal por não exercerem sua profissão, por causa do exame praticado pela OAB(ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL), considerado desiquilibrado, injusto, imoral, desproporcional, com fins arrecadatório, manutenção de reserva de mercado, violação ao direito do trabalho e desumano. Estima-se que a OAB arrecada aproximadamente 75 milhões de reais todo o ano, com as taxas exorbitantes para celebrar tal avaliação articulosa. O que nos causa estarrecimento, é que a OAB continua mantendo sua arrecadação volumosa todo ano, não paga imposto, sua eleição é secreta e tampouco presta conta da sua gestão; sendo que a mesma é classificada juridicamente como entidade “IMPAR”, ou seja, não é Pública e nem Privada. O GOVERNO FEDERAL deixa de arrecadar todo ano, impostos significativos para os cofres públicos, por tal omissão. “É LAMENTÁVEL QUE O EX-PRESIDENTE DA OAB OPHIR CAVALCANTE, TER AFIRMADO QUE O CONGRESSO NACIONAL É CONSIDERADO UM PÂNTANO, MESMO ASSIM OS DEPUTADOS VOTARAM A FAVOR DA MANUTENÇÃO DO EXAME PARA O BACHAREL EM DIREITO PODER ADVOGAR”
    Abaixo transcrevemos a matéria publicada no “JORNAL DO COMMERCIO”, publicado em 25/04/2013:
    “SUBPROCURADOR DA REPÚBLICA CONSIDERA INCONSTITUCIONAL EXAME DA OAB
    Brasília – O subprocurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou ao Supremo Tribunal(STF) parecer em que considera inconstitucional o exame da Ordem dos Advogados do Brasil(OAB), por violar o direito do trabalho e à liberdade de profissão, garantido pela Constituição Federal.
    “Não contém na Constituição mandamento explícito ou implícito de que uma profissão liberal, exercida em caráter privado, por mais relevante que seja, esteja sujeita a regime de ingresso por qualquer espécie de concurso público”, argumenta Janot no parecer divulgado ontem (21).
    O STF deve julgar em breve um recurso de um bacharel de Direito que constesta a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que julgou legítima a aplicação do Exame de Ordem pela OAB. O relator do caso no STF é o ministro Marco Aurélio Melo.
    O parecer de Janot será anexado ao processo, mas a opinião oficial da Procuradoria-Geral da República deverá ser defendida em plenário pelo procurador-geral, Roberto Gurgel, que foi reconduzido ao cargo pela presidente Dilma Rousseff, mas aguarda aprovação do Senado para voltar ao comando do Ministério Público Federal.
    No parecer, o subprocurador diz que o exame da OAB “nada mais é que teste de qualificação” e que funciona como um instrumento de reserva de mercado. A exigência da prova para o exercício da Advocacia também desqualifica o diploma universitário de Direito, na avaliação de Janot. “Negar tal efeito ao diploma de bacharel em Direito é afirmar que o Poder Público não se desimcubiu do dever de assegurar a todos a oferta dos meios necessários à formação profissional.”
    Em nota, o Movimento Nacional dos Bacharéis de Direito(MNDB, contrário à exigência da OAB, elogiou o parecer de Janot e diz que a manifestação do subprocurador corrobora decisões judiciais recentes que consideram o exame inconstitucional.
    “O Parecer é um novo marco histórico na luta de nossa entidade contra esse exame de ordem, cada dia mais publica e juridicamente ilegal, juntando-se às decisões emanadas da Justiça Federal no Rio Grande do Sul, em Goiás, no Rio de Janeiro e em Mato Grosso e à decisão do desembargador Vladimir Carvalho, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região”. (negrito, alguns destaques do texto, são nossos)
    Ratificamos como FONTE: JORNAL DO COMMERCIO, publicado em 25/04/2013
    Vitória – ES, 26 de Abril de 2.013
    JOÃO BATISTA SUAVE
    PRESIDENTE NACIONAL DA MARCHA DOS BACHARÉIS EM DIREITO DO BRASIL

  3. paulabarrozo disse:

    19, 20 e 21 de Abril ♥ MARCHA NACIONAL CONTRA A CORRUPÇÃO ♥

    VAMOS A LUTA POR UM PAÍS MELHOR !!!
    A UNIÃO FAZ A FORÇA !!!

    http://paulabarrozo.blogspot.com.br/2013/04/19-20-e-21-de-abril-marcha-nacional.html

    • FABIANO DA COSTA ANDRADE disse:

      DA CULPA EXCLUSIVA ATRIBUIDA AO BACHAREL EM DIREITO NO ENSINO JURÌDICO OU DO EXCESSO DE ADVOGADOS

      JÁ PASSOU DA HORA DE EXECRAR O BACHAREL EM DIREITO NÃO SUPORTAMOS O ROTÚLO DE SENHORES DA BURRICE NO ENSINO JURIDICO.

      Em recente matéria publicada no jornal O GLOBO (20/03/2013 pág. 6). Parece que o grande vilão da suspensão do curso de Direito, foi o baixo desempenho dos alunos bacharéis em direito dessas instituições sejam elas particulares ou privadas. A partir daí tomou-se então essa decisão, desde então, o baixo índice de aprovação dos bacharéis de direito no Exame de Ordem se tornou o vilão, mas não custa lembrar que os professores dessas instituições são nada mais nada menos, que ADVOGADOS JUIZES, PROMOTORES OU MEMBROS DA AREA JURÍDICA, assim se todos os bacharéis apresentam um baixo rendimento no ensino, parte, portanto desses professores a tal deficiência, o que compromete também o exercício como profissionais em seus cotidianos de trabalho. Pois bem, se isso não ocorre de onde vem o interesse em suspender a abertura de cursos. Falta ainda uma pergunta quem controla outro mercado milionário que envolve cursos preparatórios para o Exame de Ordem. Portanto não cabe tão somente ao Bacharel em Direito a culpa exclusiva desse descontrole, até porque onde há dificuldade existe facilidade ao que parece existe alguém interressado em que essa ciranda se perpetue.

      Antes de escrever essa nota não tinha conhecimento das declarações do Srº Ministro Aloísio Mercadante, concluo então que todos são vitimas de estelionato educacional perpetrado por um sistema educacional que só opera visando o lucro e nada mais, sem se importar com as conseqüências daí advindas, assim, uma VERGONHA essa declaração do atual ministro da EDUCAÇÃO, já existe um controle quanto ao ingresso desses profissionais no mercado, ele então para não ficar em situação desequilibrada frente ao movimento que quer moralização solta essa pérola agora contra os advogados, será que esse senhor não sabe da responsabilidade do cargo que ocupa não se esqueça que seu partido representa a classe trabalhadora e agora nesse governo o sistema educacional, que vai impulsionar o futuro de jovens através do ensino e da vida profissional.

      O MAIOR CALOTE JÁ VISTO NA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO EM DETRIMENTO DE UMA ARRECADAÇÃO MILIONÁRIA EM CADA EXAME.

      FABIANO ANDRADE.
      fabconsulteprevidenciario@ig.com.br

  4. josé Porto disse:

    Os bachareis em direito, esta em maus lenções, pois a OAB já começou seus loby com o presidente da CCJ, que também é advogado. Ninguém quer e tem peito para acabar com esse covarde exame de ordem. Segunda passada, terminou o prazo para inscrição para mais uma roubalheira, só que o roubados se acham muitos espertos. Não veêm que só vai continuar existir esse desonesto exames, se tiver inscrito. será que só Eu, que vejo ?

    • FABIANO DA COSTA ANDRADE disse:

      DA CULPA EXCLUSIVA ATRIBUIDA AO BACHAREL EM DIREITO NO ENSINO JURÌDICO OU DO EXCESSO DE ADVOGADOS

      Em recente matéria publicada no jornal O GLOBO (20/03/2013 pág. 6), pode ver que o grande vilão da suspensão do curso de Direito, foi o baixo desempenho dos alunos dessas instituições sejam elas particulares ou privadas, e como base dessa decisão foi o baixo índice de aprovação dos bacharéis de direito no Exame de Ordem, cabe, porém lembrar que os professores dessas instituições são nada mais nada menos, que ADVOGADOS JUIZES, PROMOTORES OU MEMBROS DA AREA JURÍDICA, assim se todos os bacharéis apresentam um baixo rendimento no ensino, parte, portanto desses professores a tal deficiência, o que compromete também a atuação desses profissionais em seus cotidianos de trabalho, nas se isso não ocorre de onde vem o interesse em suspender a abertura de cursos. Deixando ainda uma pergunta em aberto quem controla esse mercado milionário que envolve cursos preparatórios para o Exame de Ordem. Portanto não cabe somente ao Bacharel em Direito a culpa exclusiva desse descontrole, até porque onde há dificuldade existe facilidade ao que parece existe alguém interressado em que essa ciranda se perpetue.

      Antes de escrever essa nota não tinha conhecimento das declarações do Srº Ministro, concluo então que todos são vitimas de estelionato educacional. VERGONHA, já existe um controle quanto ao ingresso desses profissionais no mercado, ele então para não ficar em situação desequilibrada frente ao movimento que quer moralização solta essa perola agora contra os advogados, será que esse senhor não sabe da responsabilidade do cargo que ocupa não se esqueça que seu partido representa a classe trabalhadora e agora nesse governo o sistema educacional, que vai impulsionar o futuro de jovens profissionais através do ensino e da vida profissional.

      DA CULPA EXCLUSIVA ATRIBUIDA AO BACHAREL EM DIREITO NO ENSINO JURÌDICO OU DO EXCESSO DE ADVOGADOS

      Em recente matéria publicada no jornal O GLOBO (20/03/2013 pág. 6), pode ver que o grande vilão da suspensão do curso de Direito, foi o baixo desempenho dos alunos dessas instituições sejam elas particulares ou privadas, e como base dessa decisão foi o baixo índice de aprovação dos bacharéis de direito no Exame de Ordem, cabe, porém lembrar que os professores dessas instituições são nada mais nada menos, que ADVOGADOS JUIZES, PROMOTORES OU MEMBROS DA AREA JURÍDICA, assim se todos os bacharéis apresentam um baixo rendimento no ensino, parte, portanto desses professores a tal deficiência, o que compromete também a atuação desses profissionais em seus cotidianos de trabalho, nas se isso não ocorre de onde vem o interesse em suspender a abertura de cursos. Deixando ainda uma pergunta em aberto quem controla esse mercado milionário que envolve cursos preparatórios para o Exame de Ordem. Portanto não cabe somente ao Bacharel em Direito a culpa exclusiva desse descontrole, até porque onde há dificuldade existe facilidade ao que parece existe alguém interressado em que essa ciranda se perpetue.

      Antes de escrever essa nota não tinha conhecimento das declarações do Srº Ministro, concluo então que todos são vitimas de estelionato educacional. VERGONHA, já existe um controle quanto ao ingresso desses profissionais no mercado, ele então para não ficar em situação desequilibrada frente ao movimento que quer moralização solta essa perola agora contra os advogados, será que esse senhor não sabe da responsabilidade do cargo que ocupa não se esqueça que seu partido representa a classe trabalhadora e agora nesse governo o sistema educacional, que vai impulsionar o futuro de jovens profissionais através do ensino e da vida profissional.

      DA CULPA EXCLUSIVA ATRIBUIDA AO BACHAREL EM DIREITO NO ENSINO JURÌDICO OU DO EXCESSO DE ADVOGADOS

      Em recente matéria publicada no jornal O GLOBO (20/03/2013 pág. 6), pode ver que o grande vilão da suspensão do curso de Direito, foi o baixo desempenho dos alunos dessas instituições sejam elas particulares ou privadas, e como base dessa decisão foi o baixo índice de aprovação dos bacharéis de direito no Exame de Ordem, cabe, porém lembrar que os professores dessas instituições são nada mais nada menos, que ADVOGADOS JUIZES, PROMOTORES OU MEMBROS DA AREA JURÍDICA, assim se todos os bacharéis apresentam um baixo rendimento no ensino, parte, portanto desses professores a tal deficiência, o que compromete também a atuação desses profissionais em seus cotidianos de trabalho, nas se isso não ocorre de onde vem o interesse em suspender a abertura de cursos. Deixando ainda uma pergunta em aberto quem controla esse mercado milionário que envolve cursos preparatórios para o Exame de Ordem. Portanto não cabe somente ao Bacharel em Direito a culpa exclusiva desse descontrole, até porque onde há dificuldade existe facilidade ao que parece existe alguém interressado em que essa ciranda se perpetue.

      Antes de escrever essa nota não tinha conhecimento das declarações do Srº Ministro, concluo então que todos são vitimas de estelionato educacional. VERGONHA, já existe um controle quanto ao ingresso desses profissionais no mercado, ele então para não ficar em situação desequilibrada frente ao movimento que quer moralização solta essa perola agora contra os advogados, será que esse senhor não sabe da responsabilidade do cargo que ocupa não se esqueça que seu partido representa a classe trabalhadora e agora nesse governo o sistema educacional, que vai impulsionar o futuro de jovens profissionais através do ensino e da vida profissional.
      DA CULPA EXCLUSIVA ATRIBUIDA AO BACHAREL EM DIREITO NO ENSINO JURÌDICO OU DO EXCESSO DE ADVOGADOS

      Em recente matéria publicada no jornal O GLOBO (20/03/2013 pág. 6), pode ver que o grande vilão da suspensão do curso de Direito, foi o baixo desempenho dos alunos dessas instituições sejam elas particulares ou privadas, e como base dessa decisão foi o baixo índice de aprovação dos bacharéis de direito no Exame de Ordem, cabe, porém lembrar que os professores dessas instituições são nada mais nada menos, que ADVOGADOS JUIZES, PROMOTORES OU MEMBROS DA AREA JURÍDICA, assim se todos os bacharéis apresentam um baixo rendimento no ensino, parte, portanto desses professores a tal deficiência, o que compromete também a atuação desses profissionais em seus cotidianos de trabalho, nas se isso não ocorre de onde vem o interesse em suspender a abertura de cursos. Deixando ainda uma pergunta em aberto quem controla esse mercado milionário que envolve cursos preparatórios para o Exame de Ordem. Portanto não cabe somente ao Bacharel em Direito a culpa exclusiva desse descontrole, até porque onde há dificuldade existe facilidade ao que parece existe alguém interressado em que essa ciranda se perpetue.

      Antes de escrever essa nota não tinha conhecimento das declarações do Srº Ministro, concluo então que todos são vitimas de estelionato educacional. VERGONHA, já existe um controle quanto ao ingresso desses profissionais no mercado, ele então para não ficar em situação desequilibrada frente ao movimento que quer moralização solta essa perola agora contra os advogados, será que esse senhor não sabe da responsabilidade do cargo que ocupa não se esqueça que seu partido representa a classe trabalhadora e agora nesse governo o sistema educacional, que vai impulsionar o futuro de jovens profissionais através do ensino e da vida profissional.

  5. FABIANO DA COSTA ANDRADE disse:

    CONTRA TUDO E CONTRA TODOS SEM DISCRIMINAÇÃO CADEIA E PUNIÇÃO SEVERA CHEGA DE TANTA ROUBALHEIRA , NÃO PODEMOS MAIS ADMITIR FORA CADEIA JÁ.

  6. Antonio Caser disse:

    É engraçado, todo o Brasil sabe disso e as “otoridadis” não fazem nada!!!

    Será que eles também estão corrompidos? Não acredito!

    Fala sério, quando essa sujeirada toda irá acabar?

    E acredito que Irá acabar quando essa compra de votos escancarada com “auxílios-miséria” que criaram no brasil por esse partido que dizem ser dos trabalhadores for desmascarada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s