São 4,5 milhões de bacharéis sem carteira da OAB afirma presidente da OAB do Rio de Janeiro Wadih Damous. #examedeordemINCONSTITUCIONAL #examedeordempeloMEC


Vejam a quanto anda a reserva de mercado da OAB que impede que 4,5 milhões de bacharéis em direito sejam advogados.

E eles insistem em afirmar que este número astronômico tem justificativas…

OAB: fim do Exame de Ordem  só beneficia o estelionato educacional

Durante conversa com o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), o presidente da OAB do Rio de Janeiro, Wadih Damous, abordou o projeto de lei 2.154/2011, de autoria do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) que propõe o fim do Exame de Ordem. Na conversa, Damous lembrou que se existe um problema social, referente à falta de oportunidades para os bacharéis que não logram aprovação do exame, a causa está na proliferação de faculdades de direito que não oferecem ensino de qualidade.

Links relacionados:

VIDEO: Presidente da OAB/RJ – Advogado Wadih Nemer Damous Filho – fica com dinheiro de cliente – QUEM DISSE QUE O EXAME DE ORDEM PROTEGE A SOCIEDADE?

“A precariedade do ensino é que deve ser combatida, pois, de fato, representa verdadeiro estelionato educacional, especialmente em se tratando de faculdades privadas”, acentuou.

Por motivações de cunho pessoal, segundo Damous, o parlamentar do Rio de Janeiro quer permitir a entrada pela porta dos fundos de, aproximadamente, 4,5 milhões de bacharéis que não conseguiram passar no Exame. “É preciso que o Congresso Nacional se conscientize de que o Exame de Ordem é uma proteção à sociedade, e não um instrumento de poder ou reserva de mercado de interesse da OAB. Fosse esse o intuito, não seria muito mais poderosa uma instituição que representasse mais de 5 milhões de pessoas, ao invés de apenas setecentos mil? E que multiplicasse sua arrecadação de anuidades na mesma proporção?”, indagou Damous.

Atualmente, o Brasil tem mais de setecentos mil inscritos na OAB, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e Índia. A causa, disse Damous ao presidente da Câmara, não está no Exame e, sim, na proliferação de faculdades de direito que não oferecem ensino de qualidade. E concluiu: “o projeto do deputado Eduardo Cunha merece um único destino: o arquivo”.

Damous lembrou a Marco Maia que recentemente o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou constitucional o Exame de Ordem. “Os ministros do Supremo assinalaram a importância do Exame para toda a sociedade brasileira e afastaram a tese de que ele atentaria contra a garantia do livre exercício profissional, garantindo a boa prestação da Justiça”, disse.

Sob o pretexto de garantir o exercício da profissão aos bacharéis que não logram aprovação no Exame, a extinção do exame causaria gravíssimo dano a toda a sociedade brasileira, além de representar patente retrocesso no tratamento do tema, sob o ponto de vista do Direito Comparado.

Segundo levantamento feito pelo Conselho Federal da OAB, junto às embaixadas em Brasília, a maior parte dos países exige o Exame de Ordem ou o exame equivalente e faz-se necessário um estágio de aproximadamente dois anos, após a graduação no curso de Direito. Na Inglaterra, para que o candidato (bacharel em Direito) possa advogar, como barrister, perante as Cortes de Justiça Superiores, e inscrever-se, em uma das quatro Inns of Court, deve submeter-se a dois exames. Para advogar como solicitor, nos tribunais e juízos inferiores, deve ele submeter-se a uma das Law Societies.

Na França são exigidos dois exames, para obtenção do certificado de aptidão para o exercício da advocacia. Um, para ingressar na Escola de Formação profissional do advogado, e outro, após um ano de estudos de prática profissional. A dificuldade não para aí, visto que, depois de prestado o compromisso, deve ele fazer um estágio de dois anos na Escola, em escolas ou empresas, defendendo causas e dando consultas”.

Nos Estados Unidos, por exemplo, o chamado ‘Bar Exam’, além de muito mais rígido, vale apenas para cada Estado da Federação. Se um advogado pretender advogar em todo o território nacional, terá que se submeter a cinquenta exames, um para cada Estado.

O Brasil já é, atualmente, um dos países com maior número de advogados no mundo. Com cerca de setecentos mil inscritos, está em terceiro lugar em números absolutos (atrás de Estados Unidos e Índia) e segundo lugar em números relativos (atrás apenas dos Estados Unidos).

Fonte: Jornal do Brasil

Veja ainda:

Estatísticas da OAB: apontam existência de 5 MILHÕES de Bacharéis em direito e 700 mil advogados

Esse post foi publicado em GERAL e marcado , . Guardar link permanente.

14 respostas para São 4,5 milhões de bacharéis sem carteira da OAB afirma presidente da OAB do Rio de Janeiro Wadih Damous. #examedeordemINCONSTITUCIONAL #examedeordempeloMEC

  1. Pingback: Vídio: 2º passo para o fim do Exame de Ordem – Audiência Pública 28/11/2012 #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL #CPIdaOAB | Inacio Vacchiano

  2. Pingback: Trabalho histórico científico sobre o exame de ordem: DA LIVRE CONCORRÊNCIA #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL #CPIdaOAB | Inacio Vacchiano

  3. Pingback: Vídeo: OBB fala na audiência pública do dia 28/11/2012 #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL #CPIdaOAB | Inacio Vacchiano

  4. Pingback: OBB e Bacharéis em Ação participarão da Audiência Pública do dia 28 que trata do #FIMEXAMEOAB #examedeordempeloMEC #CPIdaOAB | Inacio Vacchiano

  5. Pingback: Estatísticas da OAB: apontam existência de 5 MILHÕES de Bacharéis em direito e 700 mil advogados #FIMEXAMEOAB #examedeordemINCONSTITUCIONAL | Inacio Vacchiano

  6. Pingback: CPI da OAB quer o saber destino de R$ 7,5BILHÕES arrecadados com o exame de ordem. #examedeordemINCONSTITUCIONALX #FIMEXAMEOAB | Inacio Vacchiano

  7. Pingback: Mensagem Oficial do MNBD/OABB: 9 líderes assinam urgência para PL 2154 #examedeordemINCONSTITUCIONAL | Inacio Vacchiano

  8. Pingback: VÍDEO: Fim do Exame da OAB – Direto ao Assunto com Rubens Teixeira #examedeordemINCONSTITUCIONAL #examedeordempeloMEC | Inacio Vacchiano

  9. Aghata disse:

    Pelo amor de Deus, porque voces não vão estudar pra passar??
    O exame da ordem é difícil, mas não é impossível. Eu nunca dei um tostão a cursinho algum, estudei por conta, trabalhando 12 horas por dia, com pouco tempo pra estudar e passei. se eu consegui isso, qqr um consegue, parem de se lamentar gente.

    Vcs deveriam se envergonhar de lutar por algo assim. O exame da ordem dignifica a advocacia, antes qdo eu falava q tinha me formado em direito, a primeira coisa q me perguntaram era “já passou no exame da ordem?” e qdo eu respondia q sim, todos elogiavam, davam parabéns, a sociedade num todo, prestigia o exame e principalmente quem o vence!
    Só mais uma coisa: não passei de primeira, passei na segunda e não tenho vergonha alguma de falar. Na primeira prova, acertei apenas 37 na primeira fase, eu não tinha estudado e me conformei, no exame seguinte ESTUDEI e passei com 51 na primeira fase e com 8,10 na segunda.
    É só estudar que passa!

  10. Pingback: OAB EM DECADÊNCIA: AGENTE DE TRÂNSITO TEM DIREITO A INSCRIÇÃO NOS QUADROS DA OAB #examedeordempeloMEC #examedeordemINCONSTITUCIONAL | Inacio Vacchiano

  11. Pingback: OBB organiza tuittaço em favor do PROJETO DE LEI Nº 2154/2011 – FIM DO EXAME DE ORDEM – #examedeordemINCONSTITUCIONAL #examedeordempeloMEC | Inacio Vacchiano

  12. Helena Nunes disse:

    OAB: fim do Exame de Ordem só beneficia o estelionato educacional.
    O contrário também é verdadeiro senhores doutores da OAB, não qurem perder a ‘boquinha’ de milhões de bacharéis que são obrigados a fazer cursinhos caros, comprar livros e mais livros e ainda pagar taxa de inscrição, isso sim é um estelionato, é como dizem no popular, ‘Na mão grande”.

  13. Os cursinhos de segunda fase do Exame da OAB nas instituições de ensino já estão proibidos de esmiuçar os procedimentos da peça pratica “ordem” da OAB. Querem,… barbárie total.

  14. Pingback: OAB afirma em debate contra MNBD que há 4MILHOES de Bachareis e 700 mil Advogados | Inacio Vacchiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s